Clique e Peça uma cotação agora!
Seguros

Corretora de Seguros Curitiba

Corretora de Seguros Curitiba

Corretora de Seguros Curitiba

Em quanto tempo o segurado de seguro auto recebe a indenização após o sinistro acontecer?

Quando um veículo segurado sofre danos que possuem cobertura seu proprietário deve fazer o comunicado da ocorrência do sinistro a seguradora. Os danos sofridos podem ser reparados quando a perda é parcial ou dar perda total. Quando é possível recuperar a seguradora paga os custos com o reparo direto a oficina. O segurado somente terá de pagar a franquia diretamente a oficina quando for retirar o veículo. Nos casos que aconteceu um acidente que provocou danos aos bens de terceiros, a seguradora realiza o pagamento da indenização direto ao prestador de serviço. Em geral, as seguradoras autorizam que os reparos sejam iniciados em um ou dois dias após o aviso de sinistro ter sido providenciado e o veículo tiver ser levado para a oficina. Quando a indenização a ser paga é integral a seguradora tem 30 dias corridos para realizar o pagamento do mesmo. Esse prazo começa a ser contado após todos os documentos terem sido solicitados. Se porventura a seguradora solicitar mais algum documento o prazo é interrompido e somente volta a ser contado quando o documento é entregue. Normalmente, quando desde o início a documentação já está completa as seguradoras pagam a indenização integral num período inferior a 30 dias.

Se acontecer algum sinistro que dê perda total ou parcial o preço do seguro auto pode aumentar? Corretora de Seguros Curitiba

Essa é uma possibilidade, pois todo motorista possui uma classe de bônus e quando um sinistro acontecer uma classe é perdida, com isso, o desconto de bônus acaba sendo reduzido. Mas esse não é o único fator que é levado em consideração para aceitar a proposta e calcular o prêmio. A seguradora também leva em conta as características do motorista, seu histórico de acidentes e o fato do condutor ter tido ou não culpa.

Segurado que está inadimplente com a seguradora pode ter o pedido de indenização recusado pela companhia?

Nos casos que o motorista não realiza o pagamento do prêmio dentro da data de vencimento, o prazo de vigência tem seu prazo antecipado e caso aconteça algum sinistro a seguradora pode se recusar a pagar a indenização. Outra hipótese que também pode acontecer é o sinistro acontecer fora do novo prazo de vigência.

Existe alguma diferença entre o RCF-V (Seguro de Responsabilidade Civil Facultativa de Veículos Automotores), APP (Acidentes Pessoais de Passageiros) e DPVAT? Corretora de Seguros Curitiba

Todos esses são seguros, mas possuem diferenças entre si. O DPVAT, por exemplo, é um seguro obrigatório que garante indenização as vitimas de acidente de transito que tenha sido causado por veículo automotor independentemente da localidade do país que isso aconteceu e de apuração de culpa. No entanto, o DPVAT não garante cobertura para prejuízos materiais. Já o RCF-V é um seguro facultativo que garante que o segurado será reembolsado nos prejuízos materiais e corporais causados a terceiros até atingir o limite da cobertura que foi contratada. O APP também é facultativo e indeniza o motorista e passageiros que estavam sendo transportados pelo carro segurado ou aos seus beneficiários caso venham a sofrer lesões no corpo ou morte.

Seguros

More in Seguros

Corretora de Seguros em São Caetano do Sul

J&E Corretora de Seguros04/27/2017

Corretora de Seguros em Santo Andre

J&E Corretora de Seguros04/11/2017

Seguradora de Veiculos em BH

J&E Corretora de Seguros04/11/2017

Cotação Seguro Bradesco

J&E Corretora de Seguros02/08/2017

Corretora de Seguros RJ

J&E Corretora de Seguros02/08/2017

Cotação de seguros online

J&E Corretora de Seguros09/28/2016

Corretora de seguros em Guarulhos

J&E Corretora de Seguros09/28/2016

Corretora de Seguros Porto Alegre

J&E Corretora de Seguros09/28/2016

Corretora de seguros em campinas

J&E Corretora de Seguros09/26/2016