Salada Waldorf

Receita de Salada Waldorf

Salada Waldorf
Receita Salada Waldorf

Salada Waldorf rápida

Tempo de preparo 15 minutos. Rende 4 porções.

Como ingredientes você vai precisar de:

10 nozes médias

3 talos de salsão picados

2 colheres (chá) de sal

1 maçã Granny Smith

1 colher (sopa) de suco de limão

1/2 xícara (chá) de maionese tradicional

1 pitada de pimenta-do-reino branca moída

Para decorar: salsinha crespa

Como preparar a receita

Para preparar a receita é muito simples, procure dispor as nozes em uma frigideira levando ao fogo em seguida, sem parar d mexer por até cinco minutos, ou até que elas fiquem crocantes. Retire a mistura do fogo e reserve.

Em seguida, procure arrumar os talos de salsão em uma panela com pelo menos ½ litros de água fervente, e uma colher de chá de sal.

Cozinhe tudo por pelo menos 30 segundos e retire do fogo. Logo em seguida, procure escorrer a água passando o salsão por água fria, reservando a mistura.

Em seguida, procure picar a maçã em cubos bem pequenos, descartando o seu miolo e suas sementes, coloque então a mistura em uma tigela com água, juntando o suco de limão e reserve a mistura.

Posteriormente, procure juntar o salsão, o sal restante e a maionese, além da pimenta do reino para temperar a sua mistura. Misture, incorporando as nozes e a maçã apenas na hora de servir. Para decorar a receita, vale a pena se utilizar de salsinha crespa, que irá gerar um sabor delicioso.

Receita Salada Waldorf
Salada Waldorf

Conheça um pouco da história da salada Woldorf

O Waldorf Astoria Hotel é reconhecido mundialmente, localizado na região de Park Avenue em Nova York, nos Estados Unidos, foi considerado por muitas vezes como o maior hotel do mundo. inaugurado no ano de 1931, este hotel inclusive contava com 47 andares, mais de 1500 quartos, 100 suítes e o primeiro hotel do mundo a incluir serviços de quarto.

O hotel foi vendido no ano de 2014 a uma empresa de seguros chinesa a Anbang, por mais de 1,5 milhões de euros.

Devido a toda a sua tradição e diferenciais, o hotel Waldorf tinha algumas particularidades, como por exemplo a culinária diferenciada e os pratos praticamente exclusivos. Um dos pratos mais reconhecidos e mais queridos pelas pessoas no mundo é a famosa Salada Waldorf.

Mas afinal, o que é a Salada Waldorf?

A salada de Waldorf é conhecida como uma salada que consiste em uma leve fatia de maçã, aipo, nozes cortadas, maionese ou ainda uma cobertura feita em maionese. Ela foi criada em meados de 1893 no Waldorf Hotel, precursor do conhecido Waldorf Astoria que abriu no ano de 1931.

Apesar de seu criador ter sido Oscar Tschirky existe uma certa polêmica com relação a esta receita.

Veja outra receita de salada Waldorf para o verão

A salada Waldorf é um grande clássico do verão, altamente refrescante, esta é uma versão que pode ser feita com maçã verde, e um molho a base de iogurtes, o que torna a mistura levíssima.

Como ingredientes você vai precisar de:

2 maçãs-verdes grandes

1 talo de salsão

1/4 de xícara (chá) de nozes

2 limões

1/4 de xícara (chá) de iogurte natural

1/4 de xícara (chá) de maionese

2 colheres (sopa) de azeite

sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

folhas de salsa crespa para decorar

Veja como preparar a receita

Comece lavando as maçãs, além do talo de salsão e as folhas da salsinha, seque tudo muito bem.

Em seguida, em uma tijela, procure misturar o iogurte e a maionese, bem como o caldo de um limão e o azeite. Em seguida, vale a pena temperar com sal e pimenta do reino para dar mais um gostinho.

Em uma tábua, procure picar de forma bem fina as nozes, reservando a mistura. Corte em seguida as maçãs em metades, e retire as suas sementes, e fatie de forma fina cada uma das metades, formando desta forma as meia luas, transferindo para uma tigela logo em seguida. Procure posteriormente regar a mistura com caldo de um limão, e então fatie tudo bem fino, no caso do talo de salsão e misture em sua tijela.

Em um prato bonito, procure arrumar as maçãs junto do salsão, e então procure regar com o molho, e salpique com as nozes picadas, e as folhas de salsa crespa, procurando servir em seguida.

Como Fazer Salada Waldorf
Como Fazer a Salada Waldorf

Veja outra variação da receita de salada Waldorf

Como ingredientes você vai precisar de:

       3 maçãs verdes com casca em cubos

        2 colheres (sopa) de suco de limão

        1 lata de Creme de Leite NESTLÉ®

        meia colher (sopa) de MAGGI® FONDOR

        1 xícara (chá) de salsão bem picado

        meia xícara (chá) de nozes picadas

        meia xícara (chá) de uva-passa preta sem semente

        meio maço de folhas de alface crespa

Veja como preparar a receita em seguida

Primeiramente, em uma tijela, misture a maçã com o suco de limão, o creme de leite, e então tempere a receita com temperos prontos de sua preferência. Em seguida, procure juntar o salsão, as nozes, e ainda as uvas passas, servindo em seguida sobre as folhas de alface a receita.

Veja algumas dicas para fazer a receita

Primeiramente procure reservar um pouco das nozes, e das uvas passas para decorar a salada, polvilhando as mesmas por cima.

Para evitar que as maçãs fiquem escurecidas, procure deixar as mesmas cobertas com água e algumas gotas de limão.

Esta é uma salada deliciosa e reconhecida no mundo inteiro, feita em maçã vede, salsão e nozes.

Beneficios Salada Waldorf
Beneficios da Salada Waldorf

Confira os benefícios dos ingredientes desta salada para a sua saúde

Os benefícios da maçã verde

Certamente em algum momento de sua vida você já ouviu, uma maçã por dia, afasta o doutor. E isto é a mais pura verdade, e se aplica nas maçãs verdes, o que são fontes de proteínas, vitaminas, minerais e fibras, além de serem muito eficazes contra os possíveis transtornos digestivos, bem como os baixos níveis de colesterol bom, regulando os níveis de glicose do sangue, e ainda melhorando o apetite.

As maçãs verdes são repletas de antioxidantes, ricas em vitamina C, e uma importante fonte de flavonoides, mas principalmente uma boa fonte de cianidina, e epicatequina. É importante citar que os flavonoides e a vitamina C acabam agindo como antioxidantes e ainda erradicam os radicais livres que danificam por sua vez as células.

A grande vantagem de comer maçã verde em jejum é facilitar o combate destes radicais livres, desde o primeiro momento do dia, e além de produzir as células saudáveis e reduzir o surgimento das doenças crônicas. Este tipo de fruta é considerado como um dos maiores inimigos das doenças de coração, os derrames e também o diabetes.

A maçã verde também regula a glicose do sangue

Saiba que uma maçã verde em jejum acaba estabilizando os níveis de açúcar do sangue, o que é muito importante para os diabéticos, ou ainda para pessoas que possuem riscos para diabetes. Vale ainda a pena lembrar que o metabolismo continua funcionando durante o sono noturno, e pode ser difícil do pâncreas regular a quantidade de glicose do organismo. A partir disto, a maçã verde é rica em fibras solúveis, e quando ingerida em jejum acaba retardando a absorção dos açúcares no intestino em um efeito bastante prolongado.

Os benefícios do suco de limão

O suco de limão por sua vez é só benefícios, já que além de servir como um excelente tempero, possui diversas outras utilidades, como por exemplo servir de decoração nos pratos refinados, mas as suas vantagens vão bem além de tudo isto.

O limão atua de forma saudável no organismo, pois é rico em vitamina C, tiamina, riboflavina, fósforo, cálcio, e ainda em ferro.

O suco de limão é excelente para emagrecer, já que ajuda significativamente na queima de gordura.

Além disto, o suco de limão melhora o desempenho bem como a qualidade corporal.

O limão ainda apresenta um grande poder anti inflamatório para as gripes, os resfriados, e ainda os problemas de garganta.

Além de ser altamente indicado para melhorar o processo digestivo, estimular o processo de desintoxicação do organismo, e ainda melhorar o funcionamento do fígado.

Em situações de cuidados com a pele, como por exemplo queimaduras, e ainda problemas de espinha o suco é muito indicado. O suco de limão apresenta uma série de antioxidantes em sua composição, com isto há uma capacidade de prevenir rugas, além de sua atuação como um remédio natural.

Conheça agora os benefícios da pimenta do reino

Diversos estudos apontam que a Pimenta do reino, quando consumida junto de uma quantidade normal, possui uma capacidade de destruir as células tronco do câncer de mama. As células tronco cancerígenas que são difíceis de se livrar com quimioterapia e ainda outros tipos de tratamentos de câncer.

A pimenta do reino é uma excelente auxiliar na absorção dos nutrientes

A pimenta do reino, além de contar com curcumina, a Piperina da pimenta do reino aumenta a absorção de diversos tipos de nutrientes, dentre eles podemos incluir o selênio, a vitamina B, a curcumina, o beta caroteno, entre outros.

A pimenta do reino ajuda no sistema digestivo

Saiba que ao se comer a pimenta do reino, é possível aumentar a produção do ácido clorídrico, o que é uma enzima digestiva que auxilia a reduzir o tempo de trânsito dos alimentos através dos intestinos, o que acaba impedindo que o gás não seja eliminado, e ocorram processos de azia, prisão de ventre, entre outras coisas.

Além disto, a pimenta do reino é um excelente agente antibacteriano, já que estudos apontam que a pimenta do reino possui um poderoso agente anti bacteriano, com uma capacidade de destruir diversos tipos de bactérias que estão alojadas no estômago.

Conheça agora os principais benefícios do Salsão para a saúde

O salsão, ou também conhecido como aipo, é uma planta aromática comestível da família das apiácias. Todas as partes vegetativas poderão ser consumidas deste alimento, da raiz, o caule, as folhas. Lembra bastante uma salsinha, e é da mesma família mas que cresceu demais, e as folhas são consideradas mais ricas em vitamina A, enquanto que o talo possui mais vitamina C.

As raízes por sua vez, são ricas em sais minerais, que são considerados ideais para preparar caldos mineralizantes. Em contrapartida, para consumir as suas raízes é necessário que você mesmo o plante, ou ainda encomende junto de seu fornecedor, o que é comum, é deixar a raiz no solo para seguir produzindo o mesmo.

O salsão é riquíssimo em vitaminas, principalmente as vitaminas K e C, e em minerais, entre elas o magnésio. O legume ainda conta com uma quantidade enorme de fibras, o que é praticamente o dobro das que estão presentes em uma mesma porção de alface comum.

Seu aroma é forte devido a uma grande presença de óleos essenciais que são finos e leves, o que inclusive explica o seu aroma rápido e marcante, como por exemplo o limoneno, a apigenina, entre outros elementos.

Benefícios das nozes para a saúde

As nozes são uma grande fonte de nutrientes, e se mdúvida alguma um alimento interessante e saudável que você precisa incluir em sua alimentação.

A partir disto, saiba que as nozes são ricas em vitamina E, o que é um poderoso antioxidante, vitaminas de complexo B, as proteínas, bem como as fibras, o cobre, o cálcio, entre outros componentes. As nozes ainda contém uma quantidade significativa de ômega 3, o que é uma gordura saudável.

As nozes são um alimento saudável, que você precisa incluir em sua dieta alimentar, já que geram uma série de benefícios importantes para a saúde do ser humano, ajudando a combater diversos tipos de males, entre eles podemos citar:

Ajuda no combate de diabetes do tipo dois, bem como a arteriosclerose,

Ajuda no combate a fadiga e ao cansaço físico,  além de ajur a prevenir a angina de peito e outros problemas existentes de coração.

As nozes ainda ajudam a prevenir e combater possíveis transtornos sexuais bem como de esterilidade, além de prevenir problemas de sistema nervoso, como por exemplo doenças neurodegenerativas, além de uma melhora de função cognitiva durante o envelhecimento do organismo.

Dicas de aplicativos para Mulheres

Ter um smartphone hoje com uma boa configuração é fundamental para as mulheres. Ter um aparelho com boas configurações e bons aplicativos se tornaram fundamentais. Resolvi falar um pouco hoje sobre quais são os melhores aplicativos para as mulheres, incluso para grávidas e também de beleza, e você irá conferir as nossas dicas.

Antes de falarmos sobre os aplicativos, gostaríamos de mencionar que você deverá ter sempre o melhor navegador para android, pois o quanto mais rápido otimizar o sistema, melhor será para realizar a instalação dos aplicativos.

Vamos as eles:

Dicas de Aplicativos para Grávidas

A Gravidez é um período muito importante e especial na vida de uma mulher que passa por diversas transformações nesse período e atualmente as futuras mamães também podem contar com o auxilio da tecnologia para se informar sobre diversos assuntos e também para auxiliá-las em vários momentos durante a gestação.

Existem vários aplicativos para Android Que foram desenvolvidos especialmente para ajudar as mulheres grávidas e nesse artigo vamos dar algumas dicas de aplicativos e links para que você possa fazer o download e tornar a sua gestação mais divertida, são diversos aplicativos que ajudam desde o dia a dia durante a gestação até um diário para registrar cada momento. Confira abaixo:

  • Aplicativo Minha Gravidez Hoje
  • Aplicativo Estou Grávida
  • Aplicativo Bebê Conecta
  • Aplicativo Diário do Bebê

Faça o Download dos App para o seu Android e aproveite as vantagens que cada um oferece, com certeza você vai se divertir e entreter bastante com as opções que esses aplicativos oferecem. Use a tecnologia a seu favor, se você possui um smartphone com Android, basta fazer o Download e instalar para começar a usar, é simples, basta clicar nos links acima e clicar em Download.

Aplicativos para editar fotos no Celular

Edite suas fotos no celular com esses aplicativos: Hoje em dia o celular é um dos eletrônicos mais utilizados por pessoas de todas as idades em especial adolescentes, jovens e pessoas adultas e quem possui celular moderno, ou seja, quem tem um celular com Instagram sabe que dá para colocar vários efeitos em fotos, mas há também várias opções de aplicativos super legais para você editar as suas fotos e postar nas redes sociais.

Vamos dar algumas dicas de aplicativos para você usar no seu celular e editar detalhes de suas fotos, são aplicativos que trás muitos efeitos, filtros e diversas ferramentas, assim aquela foto tremida, que a luz não favoreceu ou aquela pessoa indesejada que saiu na foto, você não precisa deletar a foto, basta utilizar esses recursos e editar as fotos do jeito que você desejar, confira esses aplicativos abaixo:

  • Fast Burst Câmera
  • Cartoon Câmera

Cada aplicativo tem as suas funções, basta acessar os sites para você descobrir um pouco mais sobre essas funções que você pode utilizar para editar as suas fotos do próprio celular, na internet você encontra muitos outros aplicativos para editar fotos do seu celular e assim você não precisa deletar aquela foto que gostou.

Será Necessário ter os melhores antivirus no seu Android:

O Android é um sistema operacional lançado pelo Google, o sistema foi criado para rodar em smartphones e tablets e com a popularização desses aparelhos não demorou muito para que o Android também se tornasse muito popular. Os vírus comuns em computadores também chegou aos tablets e smartphones, em fim, é preciso ter cuidado e tomar as devidas providências para evitar que esses dispositivos móveis sejam infectados.

As pragas virtuais mais comuns são os vírus, trojan, códigos maliciosos, spyware entre outros que são mascaradas em forma de aplicativos, arquivos de músicas, vídeos ou outro arquivo baixado na internet, além de e-mails maliciosos que ao se instalarem no aparelho pode causar danos terríveis como roubar senhas e dados de bancos, deletar arquivos importantes entre outros.

E assim como os computadores é importante que o seu tablet e smartphone com Android esteja seguro e para isso você precisa instalar um bom antivírus, entre os melhores antivírus está o Avast! Mobile Security, o AVG Mobile, o Kaspersky Mobile Security, o Trend Micro Mobile Security, o ESET Mobile Security entre outros.

Se você tem um smartphone ou Tablet com Android, garanta já a segurança do seu dispositivo móvel e fique tranquila.

Chá de hibisco emagrece?

Afinal, o chá de hisbisco emagrece? Descubra tudo sobre ele aqui!

Chá de hibisco emagrece
Chá de hibisco realmente emagrece?

O chá do hibisco é feito com o cálice de botão seco de uma flor que é bastante conhecida como Hibiscus Sabdariffa, o que não é aquele encontrado nos jardins, mas será mesmo que o chá de hibisco emagre e faz bem para a saúde? Saiba que sim.

O chá de hibisco é um ótimo componente para emagrecer, e pode ser utilizado no favorecimento de perda de peso. Para conhecer todos os benefícios existentes deste chá, e a melhor forma de os preparar, conheça em seguida algumas informações.

O chá de hibisco é excelente para emagrecer e oferece vários outros benefícios

Por que o chá de hibisco emagrece? Saiba que o chá de hibisco emagrece pois é rico em diversas substâncias consideradas benéficas para o organismo, entre elas os ácidos orgânicos, os flavonoides, e ainda os antioxidantes. Este tipo de substância poderá agir no organismo no combate de problemas como por exemplo a retenção dos líquidos e um possível acúmulo de gorduras na região abdominal e nos quadris também.

Um ponto importante e interessante é que o chá de hibisco possui uma capacidade ímpar de reduzir o processo conhecido como a adipogênese, este tipo de ação é muito importante já que ocorre a partir dele a maturação das células consideradas pré adipócitas, estas que e convertem em adipócitos maduros, com uma capacidade de acumular boas quantidades de gordura no corpo.

Além disto, outros estudos apontam que alguns flavonoides que estão presentes na bebida contam com um efeito cardioprotetor, e ainda vasodilatador. Desta forma as substâncias poderão ajudar a aumentar seu colesterol bom, o HDL, diminuindo assim o colesterol ruim, o LDL, os triglicerídeos, e ainda a pressão arterial.

Como o chá de hibisco ajuda a emagrecer?

Assim que as células pré adipócitas acabam se tornando mais maduras, elas acabam se convertendo em adipócitos. O problema maior é que os adipócitos maduros possuem uma capacidade de provocar um maior acúmulo de gordura no corpo. Por este motivo, no ato de reduzir a adipogênese, o chá de hibisco acaba impedindo que você venha a acumular muito mais gordura nos lugares como os quadris, bem como a barriga também.

O chá de hibisco ainda conta com boas quantidades de flavonoides, e isto é muito bom, já que algumas pesquisas apontam que alguns dos flavonoides que estão presentes na bebida são aliados muito importantes contra o colesterol ruim e ainda contra a pressão alta.

chá de hibisco para emagrecer
chá de hibisco para emagrecer

Conheça outros grandes benefícios do chá de hibisco para o organismo

Entre seus diversos componentes, o chá de hibisco emagrece, combate também o colesterol ruim e a pressão alta. Em contrapartida, além destes benefícios, ele possui uma capacidade de proporcionar diversos outros.

Os cálices de flores que são utilizadas para preparar o chá são bastante ricos em vitaminas B1 bem como também vitaminas B2. A partir disto a vitamina B2 é bastante importante para a manutenção da saúde de seus ossos, de cabelos e pele. As vitaminas de complexo B também são encontradas no chá de hibisco, o que auxiliam com um papel mais do que importante, quase fundamental para metabolizar o oxigênio e a glicose, ajudando o corpo a captar da melhor forma possível a energia nas células.

Este chá é muito rico em ferro, o que é um nutriente fundamental para evitar possíveis problemas de anemia. Este é uma bebida que também conta com boas doses de vitamina A, que é uma substância bastante importante para a saúde dos olhos, do sistema imunológico, de ossos e também da pele. A boa quantidade de vitamina C, que também pode ser encontrada no chá de hibisco, torna a bebida muito útil na prevenção do envelhecimento precoce, e nas doenças de coração.

O melhor é que não é apenas isto, uma boa parte das substâncias que estiverem presentes no chá contam com uma ação antioxidante, e possuem ainda um efeito vasodilatador, e cardioprotetor, contribuindo desta forma contra o acúmulo de gordura no organismo.

Outros estudos apontam ainda que alguns flavonoides que estão presentes na bebida contam com um efeito cardioprotetor e ainda vasodilatador. Desta forma as substâncias acabam ajudando a aumentar o colesterol bom, o HDL, e ainda a diminuir o colesterol ruim, entre outras características. Tudo isto ocorre devido ao seu efeito vasodilatador e cardioprotetor, que contribui de maneira forte contra o acúmulo de gordura no organismo.

Conheça mais benefícios oferecidos pelo chá de hibisco?

O chá de hibisco evita o acúmulo de gordura no organismo

Em pesquisas realizadas recentemente, foi apontado que o chá de hibisco tem a capacidade de reduzir a chamada adipogênese. Este é um processo diferenciado que consiste basicamente em uma maturação das células consideradas pré adipócitas, e que se convertem em adipócitos maduros, com uma capacidade de acumular a gordura do organismo.

Na diminuição deste processo, o chá de hibisco poderá ajudar a diminuir as quantidades de gordura, ficando acumulada na região abdominal e nos quadris. Não está claro ainda que tipo de substância que está presente na bebida, e que é responsável por oferecer este benefício. Acredita-se que a ação considerada antioxidante dos flavonoides do fruto antocianina e quercetina poderão auxiliar na redução dos depósitos de gordura.

Entre outras pesquisas realizadas, o chá acaba agindo no hormônio de aldosterona, este que é secretado através das glândulas suprarrenais que poderão regular o balanço de cunho eletrolítico do organismo, favorecendo desta forma a ação diurética, mesmo que não sejam identificados os nutrientes que geram estes benefícios.

para que serve cha de hibisco
Você sabe para que serve chá de hibisco?

Outros diferencial está no controle de colesterol

Alguns estudos realizados já compararam e citaram que o consumo de chá de hibisco poderá contribuir para a diminuição de colesterol ruim, o LDL, bem como o aumento do colesterol bom, o HDL. A partir disto, a bebida ajuda a diminuir o colesterol LDL em pelo menos 8% e aumenta o HDL em pelo menos 16,7%.

Um mesmo estudo aponta e compara o chá de hibisco com o chá preto, analisando que o primeiro é considerado mais eficiente para combater o colesterol do que o segundo que foi mencionado. Tudo porque o chá preto apenas aumenta o colesterol HDL, mas acaba diminuindo o colesterol LDL. A partir disto, o chá de hibisco é tão interessante para pessoas que possuem problemas com os níveis de colesterol por ser rico em substâncias repletas de ações antioxidantes.

O chá de hibisco é um excelente auxiliar de controle de pressão arterial

Estudos realizados através do Journal of Nutrition, conclui que o chá de hibisco auxilia a baixar a pressão arterial no organismo. Esta pesquisa aponta que alguns flavonoides que estão presentes na bebida acabam proporcionando este tipo de benefício ao diminuir um tipo de enzima que atua de forma direta na pressão arterial.

cha de hibisco para que serve
chá de hibisco para que serve?

Os flavonoides são excelentes para o cérebro

Saiba que o chá de hibisco conta com ótimas quantidades de vitaminas B1 e b2. A partir disto, todas as vitaminas que são pertencentes ao complexo B auxiliam o nosso organismo a captar a energia nas células, principalmente ao auxiliar no metabolismo de oxigênio e da glicose, as principais e mais importantes fontes de combustível das células. A vitamina B1 por sua vez conta com estas ações nos neurônios, as células de formação cerebral.

Qual a quantidade que deve ser recomendada do consumo de chá de hibisco?

Existe uma orientação que está voltada para consumir um copo equivalente de 200 ml de chá de hibisco. Para cada um dos copos, é necessário que se utilize entre 4 a 6 gramas de flores secas, o que é equivalente a uma colher de chá, ou ainda dois a três pacotes de chá.

cha de hibisco com gengibre
chá de hibisco com gengibre
Como deve ser consumido o chá de hibisco?

Se por acaso, você quiser utilizar a flor a granel, é interessante que você a aqueça no máximo possível para que não perca as propriedades da flor. A partir disto, procure separar pelo menos 200ml de água, deixando a mesma ferver e depois disto procure adicionar entre 4 a 6 gramas, o que é equivalente de uma colher de chá de flores secas. Procure manter a bebida por pelo menos três minutos ao fogo, e depois disto ela poderá ser devidamente consumida.

Quais são os melhores combinados de chá de hibisco?

O chá de hibisco aliado com alimentos termogênicos poderá gerar excelentes resultados. A partir deste consumo, o primeiro deverá evitar que a gordura possa se acumular nas regiões abdominais, e nos quadris enquanto que o segundo tiver a capacidade de aumentar os gastos de energia. Levando isto em conta, uma ótima opção de bebida termogênica é o chá verde.

Quando o chá de hibisco é contraindicado?

É importante citar que tanto gestantes quanto os lactantes evitem o consumo de chá de hibisco. A partir disto, alguns estudos preliminares poderão apontar que a bebida conta com ações de trato mutagênico, ou seja, podendo interferir em estruturas dos genes do bebê, trazendo desta forma uma série de problemas.

como tomar cha de hibisco
como tomar chá de hibisco
Quem não poderá tomar o chá de hibisco?

Saiba que o chá de hibisco emagrece e ainda é bem tolerado pela maior parte das pessoas, em contrapartida, gestantes e os lactantes não deverão tomar este tipo de chá. O chá de hibisco em pesquisas recentes eram alguns estudos constatados que a bebida poderá gerar efeitos de forma negativa na estrutura dos genes dos bebês, e por isso a melhor alternativa é não arriscar.

Outros estudos científicos apontam que o consumo de forma contínua deste chá poderá interferir em todos os níveis de estrogênio, podendo desta forma inibir uma ovulação e ainda provocar a infertilidade de forma transitória. Mas tome cuidado, evite o chá em consumo excessivo, e ainda procure conversar com seu médico antes de começar a utilizar este chá.

Regras para fazer uma boa dieta no consumo de chá de hibisco?

O consumo de chá de hibisco cada vez mais está disseminado para o emagrecimento, por isso, confira em seguida algumas regras básicas para realizar as dietas com chá de hibisco de forma correta.

Comece fazendo seis refeições ao menos por dia, evitando assim ficar mais de três horas sem comer alguma coisa. Se você quiser um aliado na hora de controlar o seu cardápio, existem aplicativos que facilitam a sua utilização, e é possível você anotar tudo o que precisa e o que come, monitorando os horários de refeições, e ainda solicitar um relatório para fazer uma boa avaliação.

Procure mastigar bem os alimentos, isto é fundamental para que se possa contar com uma boa digestão, e ainda uma maior e melhor absorção dos nutrientes.

Vale a pena variar muito as frutas, os legumes e ainda as verduras para obter todas as vitaminas e os minerais que seu organismo estiver precisando. É interessante citar que além do chá de hibisco, que você deverá consumir em torno de 1 litro por dia, mais ou menos 5 xícaras, procure beber água, ao menos um litro no intervalo de suas refeições.

Procure evitar o consumo de líquidos durante as refeições.

como fazer cha de hibisco
como fazer o chá de hibisco
Porque consumir o hibisco faz bem?

É importante citar que o chá de hibisco é feito de flores e de botões da planta Hibiscus sabdariffa, como já citado anteriormente, o que é diferente da planta ornamental, esta comum nos jardins. Por este motivo, é importante que você analise corretamente o nome da planta no rótulo, um outro ponto importante é que o chá sozinho não faz grandes milagres.

Este é um chá que deverá ser associado de forma corrente a uma dieta. E de nada adianta se tomar um chá para limpar o organismo e depois consumir alimentos bastante industrializados e repletos de toxinas por exemplo.

Para melhores resultados no chá de hibisco, é interessante que se acrescente uma colher de sopa do chá com gengibre ralado. A partir disto é possível potencializar a ação do chá com canela ou ainda com cavalinha, estes são ingredientes adicionais e termogênicos, que aceleram o metabolismo e auxiliam ainda mais no seu gasto de calorias.

Por isso o chá de hibisco é só benefícios, e pode ser consumindo desde que respeite seus cuidados dia após dia para facilitar a sua saúde.

Berinjela Emagrece?

Você sabe se a berinjela emagrece? Descubra aqui

Saiba mais sobre os benefícios da hortaliça, e o que é verdade e o que é mentira quando o assunto for esta hortaliça.

A berinjela é considerada como um fruto de uma planta que é originária da índia, e é cultivada na África. Possivelmente a planta foi introduzida na Europa por árabes, e posteriormente a planta veio para as américas. Este é um tipo de hortaliça anual, onde na época de seu plantio, que acontece entre meados de setembro a fevereiro, nas regiões de clima mais quente, a planta é cultivada ao longo do ano. A planta é considerada sensível ao frio, a geada e ainda ao excesso de chuva em florações.

Saiba que a berinjela é considerada como um fruto de uma planta que é originária da índia, e é cultivada na África. Possivelmente a planta foi introduzida na Europa por árabes, e ainda posteriormente veio para as américas.

Esta é uma hortaliça considerada anual, onde na época de seu plantio, que ocorre entre meados de setembro a fevereiro, em regiões de clima quente, ela poderá ser cultivada ao longo de todos os anos. A planta é considerada como sensível ao frio, á geada e ainda aos excessos de chuva nas florações.

Quais são os tipos de berinjela que existem?

Saiba que a berinjela poderá ser tanto clara, como rajada ou ainda escuras, levando em conta o seu comprimento e seu diâmetro por exemplo.

Aproveite e desvende alguns mitos

Durante os últimos anos, o consumo da berinjela aumentou aparentemente devido as informações que são veiculadas sobre os supostos benefícios que o consumo oferece para as pessoas. A ideia atual que é mais difundida é que seu consumo de forma regular possa ajudar a diminuir os níveis de colesterol, e apesar de muitos acreditarem neste tipo de informação, até o presente momento não existem estudos científicos executados com humanos que apontem ou comprovem esta afirmação.

Alguns estudos realizados com o extrato de berinjela seco verifica uma pequena correlação entre a diminuição de colesterol, e ainda o consumo de extrato seco. Em contrapartida, a resposta clínica deste estudo não atinge os valores que são estabelecidos por órgãos devidamente competentes.

Outro estudo realizado recentemente não constata nenhum tipo de efeito de seu suco misturado com a laranja, em torno de 200 ml por dia, em níveis plasmáticos de colesterol total e as suas frações entre elas o LDL, VLDL e HDL, bem como de triglicérides.

Apesar de existirem diferentes resultados, os pesquisadores em questão apontam que existem poucas informações relacionadas aos benefícios que ela oferece com relação ao colesterol.

Os benefícios para a saúde oferecidos pela berinjela

Apesar de não haver uma comprovação, até o momento que a berinjela diminuir o colesterol, este tipo de hortaliça fornece diversos outros nutrientes que são benéficos para a saúde.

Levando em conta a composição nutricional dos seus frutos, este poderá ser considerado uma grande fonte de vitaminas e minerais excelentes para a saúde. Levando isto em conta, as análises laboratoriais apontam que em pelo menos 100 gramas de berinjela crua, se encontram boas quantidades de minerais, entre estes minerais podemos citar o zinco, o magnésio, o potássio, o cálcio, o ferro e ainda o fósforo.

As principais vitaminas encontradas no fruto são as vitaminas A, B1, B2 e C, além de tudo isto, ela tem um destaque por apresentar uma maior quantidade de água, o que é fundamental para manter o corpo hidratado, e ainda favorecer as reações químicas das células corporais, uma porcentagem substancial de fibras, que ajudam no bom funcionamento intestinal e na formação do bolo fecal poderá ocorrer, além é claro de ser considerada como um alimento que fornece poucas calorias, ajudando a controlar o peso no organismo.

Qual a composição das berinjelas?

Saiba que as berinjelas possuem uma composição de diversos nutrientes importantes para a manutenção da saúde do organismo. A partir disto, seguem alguns nutrientes especiais que estão em sua composição, além de algumas funções determinadas.

O magnésio por sua vez atua em reações enzimáticas, e acaba fazendo parte da constituição dos ossos e dos dentes. O zinco acaba atuando no crescimento e desenvolvimento do sistema imunológico e está relacionado ao sistema reprodutivo.

O potássio por sua vez, acaba atuando na contração dos músculos, bem como na síntese de glicogênio e no metabolismo que é relacionado de forma direta a sua reprodução. O potássio por sua vez atua na contração dos músculos, na síntese de glicogênio e no metabolismo de proteínas e carboidratos.

O cálcio e a vitamina B1 presentes no fruto, possuem uma ótima atuação na contração dos músculos, bem como na síntese de glicogênio, e ainda no metabolismo de proteínas e de carboidratos. O cálcio por sua vez, poderá atuar na contração dos músculos, e na síntese de glicogênio além do metabolismo de proteínas e de carboidratos inclusive.

A vitamina C por sua vez atua como antirradicais livres, facilitando desta forma a absorção do ferro, e da glicose, agindo desta forma na fabricação de neurotransmissores.

Além de todos estes componentes, o que contém fenóis que poderão agir como antioxidantes. Este tipo de substâncias possui atividades de trato anti-inflamatório para evitar que as plaquetas do sangue possam se aglomerar. Além disto, é possível se inibir a ação de radicais livres no organismo, protegendo desta forma as moléculas de DNA e ainda prevenindo os processos carcinogênicos.

Sobre a comercialização da berinjela

Sabia que a berinjela que é mais comercializada é a com casca arroxeada. E conta com uma tonalidade de sua casca desta forma devido a presença das antocianinas, proantocianinas e os flavonoides. As duas primeiras substâncias acabam inibindo na produção dos radicais livres e os flavonoides acabam apresentando propriedades antioxidantes, levando isto em conta é recomendado que o fruto seja consumido com suas cascas.

Entre as sugestões de preparo e consumo podemos citar:

As preparações mais utilizadas são junto do cuscuz, bem como o suflê, tortas, saladas, recheada, em forma de lasanha ou ainda patê.

Como posso comprar as berinjelas?

As berinjelas de boa qualidade deverão apresentar um pedúnculo verde e rijo, o fruto escuro, sem manchas, macio e ainda de pele fina, brilhante e com sementes de cores claras. As sementes opacas e amolecidas estão velhas, e poderão perder um pouco das suas propriedades de nutrição.

Como armazenar as berinjelas?

É importante citar que até o momento do preparo, deverá ser armazenada de forma inteira e com casca, para que não exista uma perda dos nutrientes e ainda as alterações de cunho sensorial, sob uma refrigeração por um período máximo de quatro dias. Se esta for guardada dentro da geladeira com um saco plástico, ela poderá durar e torno de uma a duas semanas.

Como preparar as berinjelas

As berinjelas deverão ser preparadas com casca, em alguns pedaços grandes e se for cozida com água, o volume de água, e de cozimento deverá ser o menor possível, para minimizar desta foram a perda dos nutrientes. Além de tudo isto, procure evitar cozinhar por tempo prolongado em altas temperaturas para reduzir desta forma as perdas de vitaminas de trato hidrossolúvel, as vitaminas C com complexo B.

Como evitar o gosto amargo da berinjela?

Para que possa retirar o gosto amargo que caracteriza, procure a cortar ao meio, esfregando com sal e escorrendo, ou deixe ainda a mesma aberta coberta com sal, água, limão ou ainda vinagre, durante pelo menos 15 minutos. Procure escorrer em seguida e seque as fatias com papel absorvente.

Incluir este alimento no seu cardápio semanal será tudo de bom, e certamente irão ajudar a você aproveitar o máximo que ele oferece.

O patê de berinjela é uma delícia que ajuda a baixar o colesterol

Não existe nada melhor do que uma receita que é uma verdadeira delícia, e ao mesmo tempo saudável, não é verdade? Esta é a situação do patê de berinjela. O seu sabor é único e maravilhoso.

O patê de berinjela é excelente, e os benefícios proporcionados para a saúde do mesmo são reais e comprovados pelas pesquisas. Estudos apontam que houve uma redução de forma significativa na circunferência de cinturas em pessoas que incluíram a berinjela em sua dieta.

O patê de berinjela ajuda a emagrecer graças a uma substância presente no fruto, que é a niacina, esta que contribui de forma intensa para perda de peso.

Na berinjela existem fibras que são as responsáveis por proporcionar uma sensação de saciedade, e ajudam ainda na redução de absorção intestinal da gordura.

Veja uma receita de patê de berinjela:

Como ingredientes você vai precisar de:

4 berinjelas

1 pimentão verde

1 pimentão vermelho

1 pimentão amarelo

2 cebolas grande

1 xícara de chá de azeite extravirgem de oliva

4 colheres (sopa) de vinagre (de preferência, de maçã)

6 dentes de alho grandes

Orégano a gosto

Azeitonas (preta ou verde) a gosto

Um pouco de pimenta-do-reino moída

Sal a gosto

Como preparar a receita:

Primeiramente procure cortar s berinjelas em cubos, e coloque de molho na água por pelo menos 15 minutos. Para que a berinjela não escureça, e então escorra bem as berinjelas.

Posteriormente, procure fritar bem o alho e a cebola no azeite, colocando as berinjelas em cubos e os demais ingredientes deixando refogar em fogo baixo por pelo menos 20 minutos até que o molho seque, procure sempre mexer para não queimar.

Agora espere esfriar e bata a mistura no liquidificador, ou ainda em um processador até que vire uma pasta. Posteriormente procure guardar em recipientes com tampa na geladeira servindo com pães, com bolachas, torradas, entre outras coisas, substituindo a margarina ou a manteiga de forma deliciosa.

Aprenda também a utilizar a berinjela para emagrecer

O emagrecimento com berinjela é uma forma interessante e eficiente de perder a barriga, já que ela auxilia na diminuição da fome e ajuda a eliminar a gordura. Além de tudo isto, o ato de comer berinjela diariamente fornece as fibras que ajudam no funcionamento do intestino, e para combater o colesterol ruim, bem como a má digestão.

Para que possa emagrecer, é importante se utilizar deste legume em diversas receitas durante o dia e consumir muito a água de berinjela que hidrata a pele e oferece uma sensação de saciedade.

Sobre a água de berinjela

Esta água poderá ser consumida ao longo do dia substituindo a água normal, mas com muito mais qualidade.

Como ingredientes para fazer a água de berinjela é necessário:

    1 berinjela;

    1 litro de água.

Veja como preparar a água de berinjela

Procure descascar e cortar a berinjela em cubos, deixando de molho em água durante a noite inteira. Pela manhã, procure bater tudo no liquidificador, e então coe e beba esta água ao longo do dia. Uma opção interessante é incluir um pouco de gengibre nesta água para facilitar o funcionamento do organismo.

Veja agora algumas deliciosas receitas fits com berinjela

Torta de berinjela com frango

Saiba que a torta de berinjela com frango é uma receita de forma excelente e deliciosa para ser utilizada no almoço, ou ainda no jantar, juntamente com uma salada dos legumes por exemplo.

Como ingredientes você vai precisar de:

    4 colheres de sopa de farinha de trigo integral;

    1 xícara de leite desnatado;

    1 ovo;

    1 colher de sobremesa rasa de fermento;

    1 filé (150g) de frango desfiado;

    1 berinjela cortada em cubos;

    2 tomates picados;

    3 colheres de sopa de ervilha;

    ½ cebola picada;

    Sal e salsinha.

Como preparar a receita:

Para preparar a receita é muito simples, procure começar refogando a cebola, a salsinha, bem como os tomates, a berinjela, o frango e ainda o sal.

Posteriormente, procure colocar em um recipiente o ovo, a farinha, o leite a ervilha e o fermento. Procure adicionar o refogado e misture tudo muito bem, colocando logo em seguida em uma forma untada. Procure levar então ao forno pré aquecido para assar a uma temperatura de 200 graus por pelo menos 30 minutos, ou ainda até a massa cozinhar.

Aproveite também outras formas de consumo de berinjela, entre elas sucos detox de berinjela, saladas de berinjela, entre outras composições. O que você está esperando para começar a consumir a berinjela?

Caponata de berinjela

Receita de caponata de berinjela

A Caponata de berinjela é uma delícia, mas antes de aprender a fazer esta receita, que é uma delícia, além de ter baixas calorias, saiba que a berinjela é um excelente legume como auxiliar na manutenção de nossa saúde. Por este motivo, confira em seguida os benefícios nutricionais da berinjela e veja como ela atua no organismo.

Esta é uma receita que rende 12 porções com pelo menos 59 calorias cada.

Como ingredientes você vai precisar de:

¼ xícara (chá) de uvas passas

6 xícaras (chá) de berinjelas descascadas e em cubos

1 ½ colher (chá) de sal

1 xícara (chá) de cebola picada

2 dentes de alho picados

1 xícara (chá) de tomates sem sementes e em cubos

¼ xícara (chá) de adoçante culinário

¼ xícara (chá) de vinagre de vinho tinto

¼ xícara (chá) de azeitonas pretas ou verdes sem caroço

2 colheres (chá) de alcaparras

1/3 xícara (chá) de salsinha picada

Veja como preparar a receita

Para preparar as receitas é muito simples, em um bowl pequeno, procure cobrir as passas com água quente, e deixe hidratar pelo menos por 15 minutos.

Escorra e reserve a mistura em seguida.

Procure colocar a berinjela em uma peneira e polvilhe o legume com sal.

Misture bem e reserve a mistura por uma hora, depois disto, procure passar a mistura sob a água corrente.

Enxague bem e procure secar com papel toalha.

Posteriormente em uma frigideira grande, refogue a berinjela por pelo menos dez minutos e então retire e reserve a mistura.

Nesta mesma frigideira, refogue a cebola até que ela fique dourada, e então acrescente o alho e o tomate e refogue a mistura por pelo menos dois minutos, juntando tudo com a berinjela reservada.

Agora, procure voltar a frigideira ao fogo e misture o adoçante, as passas, as azeitonas e as alcaparras, procure posteriormente juntar a berinjela que estava reservada e misture muito bem.

Retire do fogo, decorando com salsinha e sirva.

Veja outra receita de Caponata de Berinjela divina

A caponata é um tipo de antepasto típico da Itália, que é feito a base de berinjela, e outros tipos de ingredientes que são deliciosos.

Como ingredientes você vai precisar de:

– 2 dentes de alho;

– 1 cebola roxa;

– 1 fio de azeite;

– 2 berinjelas grandes;

– 1 pimentão vermelho;

– 1 pimentão amarelo;

– 1 pimentão verde;

– ½ xícara de alcaparras lavadas;

– ½ xícara de uva passa preta;

– ½ xícara de uva passa branca;

– ½ xícara de azeitonas sem caroço;

– ½ xícara de nozes trituradas;

– 1 colher de sopa de mel.

Veja como fazer a receita

Procure cortar todos os ingredientes e preparar então o mise em place. Desta forma irá ficar muito mais fácil e rápido realizar o cozimento.

A cebola deverá ser refogada e o alho em uma frigideira alta com azeite. Adicione a partir disto, os três tipos de pimentão e deixe refogar um pouco a mistura. E depois disto acrescentamos a berinjela, misture até que fique no ponto, o que é um pouco murcha, macia e dourada. Procure a partir disto finalizar com os ingredientes que podem dar o toque diferenciado e especial para esta receita, a alcaparra, as uvas passas, as azeitonas, as nozes e também o melaço.

Sirva depois com um pão árabe assado na frigideira com queijo parmesão.

E então a receita ficará tão boa que talvez você nem mesmo irá lembrar que está preparando a berinjela, que para alguns não é tão saborosa assim.

Uma outra alternativa interessante é que você procure fazer a caponata no forno, e para isto procure colocar todos os ingredientes, e menos as passas e o mel em um tabuleiro, cobrindo com uma folha de papel alumínio, e leve ao forno por pelo menos uma hora. Lembre-se ainda de mexer de vez em quando.

A berinjela ainda é um ótimo alimento que poderá auxiliar na redução do colesterol, reduzindo diversos tipos de níveis de ácido úrico o que é um antioxidante, auxilia o funcionamento do intestino e ainda dá a sensação de saciedade, reduzindo desta forma a fome. E ainda dá para se comer de forma bastante interessante e saborosa.

O que você poderá incluir nas caponatas?

A caponata de berinjela é um prato que representa a riqueza, a história, bem como os aromas e a complexidade de cultura siciliana.

A partir disto, apenas na Sicília existem pelo menos 40 variações de caponata e como acontece com os pratos tradicionais que são a base histórica e vem um tanto condicionada por seus costumes locais.

É possível adicionar pinhões, crustáceos, polvos ou lulas, atuns ou anchovas, somente nos movimentos de uma cidade para outra para encontrar uma caponata sempre bem diferente, mas todas as versões poderão ter um denominador comum e inconfundível, a utilização de condimento agridoce, o que gera um sabor de forma única aos vegetais.

O prato é muito simples de fazer, delicioso, e serve além de uma grande peça de história da gastronomia italiana, é um alimento com baixíssimas quantidades de calorias.

Sobre a berinjela

A berinjela é um tipo de vegetal que faz parte da família Solanum. A partir disto, poderá ser encontrada em diversos tamanhos e diversas cores, como por exemplo o verde, a violeta e ainda o branco. A berinjela está caracterizada por seu sabor amargo, seu sabor suave e também macio.

As berinjelas são utilizadas em diversos tipos de vegetais mistos, o que na maioria das vezes é frito e salgado. O prato de Ratatouille é um prato francês muito famoso, o que é uma espécie de ensopado preparado a partir da berinjela. Por isso leia mais sobre os benefícios nutricionais de berinjela para a saúde inclusive.

Os benefícios nutricionais da Berinjela

Temos a Berinjela com alimentos de baixa energia, em torno de 100 gramas de seu consumo possui apensa 30 calorias. Além de tudo isto, as berinjelas possuem fibras, carboidratos, as vitaminas e ainda os minerais como por exemplo a vitamina-B, a vitamina C, a vitamina K, o Zinco, o Potássio, Cálcio, o Ferro e o Magnésio.

A berinjela é um alimento excelente para prevenção do câncer

Saiba que a berinjela é rica em tripsina, o que ajuda a restringir o metabolismo celular, principalmente das células cancerígenas. Além de tudo isto, saiba que a Berinjela é uma rica fonte em fibras que faz com que aconteça a redução de riscos de câncer de cólon.

Além disto, a pele de berinjela possui uma série de fitonutriente, conhecidos como os fitoquímicos e também o glicosídeo solasodina. Estes inclusive são antioxidantes que ajudam na inibição do crescimento das células cancerosas, restringindo desta forma os danos de radicais de forma livre. A partir disto as berinjelas são conhecidas também por contar com ácido clorogênico, o que impede uma mutação de ADN e ainda conta com propriedades anticancerosas.

Os benefícios da berinjela para o coração

Saiba que a berinjela possui zero de colesterol e ainda gorduras saturadas. A partir disto, o Nasunin é um antioxidante que poderão reduzir o nível de colesterol em LDL, o colesterol mau. A partir disto, a berinjela também contém a lovastatina, o que ajudam a limitar uma tomada de enzima.

Em contrapartida, as paredes de artérias permanecer algo flexível, e assim auxiliar a aumentar o fluxo de sangue, as fibras presentes na berinjela poderão ajudar na absorção do colesterol, e ainda restringe o mesmo de ser ingerido no corpo em excesso.

A berinjela oferece também benefícios para o cérebro

Saiba que a berinjela é uma excelente fonte de fitonutrientes, e de antioxidantes que ajudam a proteger as células do cérebro contra a ação de radicais livres por exemplo, o que poderão causar danos as células pelo processo de oxidação.

A partir disto, a berinjela também poderá ajudar a proteger os lipídios que estão presentes na membrana celular de danos, além de tudo isto a berinjela é rica em vitaminas de complexo B, o que poderá ajudar na saúde do sistema nervoso. Temos a vitamina B6 por exemplo que ajudama regular a fadiga mental e poderá melhorar inclusive seu humor.

Para os diabéticos, a berinjela também é excelente

Saiba que a berinjela poderá ser benéfica em restringir o diabetes do tipo 2. E então ela contém um baixo nível de carboidratos e é um alimento considerado rico em fibras. A partir disto a berinjela também possui fenóis, o que ajudam a regular o nível de glicose do sangue e delimitam a partir de sua afluência.

Para a pele a berinjela é excelente

A berinjela ainda é muito rica em muitos dos nutrientes que poderão ajudar a fazer uma fonte poderosa para a saúde da pele. O legume é rico em vitamina C, com antioxidantes como antocianinas e vários minerais, com isto os antioxidantes ajudam a proteger a pele dos radicais livres, com isto os radicais livres poderão gerar as rugas e o envelhecimento de forma precoce, e já a vitamina C da berinjela ajuda a pele ficando suave e acima de tudo macia.

Conheça também outros benefícios da berinjela

Saiba que a berinjela é rica em fibra alimentar e é sempre benéfica para a digestão. E então elas poderão ajudar a aliviar situações de prisão de ventre e poderão ajudar na limpeza do trato considerado intestinal.

Além disto, a berinjela é uma excelente fonte de fenóis, o que poderá limitar as ações de enzima conversora de angiotensina inclusive, o ACE, que é muito conhecido por aumentar os níveis de pressão arterial.

A berinjela também possui quantidades de vitamina K e bioflavonoides que auxiliam na prevenção dos coágulos sanguíneos.

É fundamental se salientar que as pesquisas científicas que são realizadas com a berinjela, algumas delas forma positivas e outras inclusive não tiveram resultados de forma satisfatória por isso você precisará a consumir com uma dieta de cunho saudável.

Aproveite também a dieta da água de berinjela

A berinjela é tão famosa para auxiliar no emagrecimento que existe inclusive uma dieta com base em sua água. Para preparar a água de berinjela, é interessante que se descasque e corte o vegetal em cubos e coloque o mesmo em meio litro de água, deixando descansar de um dia para o outro.

Para que possa ficar com um aroma um pouco melhor, vale a pena colocar um pouco de suco de limão, e além de mais saborosa a água irá ficar com um poder maior de antioxidantes, já que o limão tem essa característica, tomando sempre antes das refeições inclusive.

A partir disto, durante os sete dias da dieta é importante que não se consumam as farinhas refinadas e gorduras industrializadas, bem como procurar consumir legumes e verduras em abundância, incluindo a berinjela de outras formas na dieta também acaba ajudando muito.

Além disto, na semana da dieta você poderá chegar a perder pelo menos dois quilos, mas é claro que a berinjela sozinha não faz milagres, é fundamental que se pratiquem as atividades físicas de forma regular e apenas consumir os alimentos saudáveis e de baixas calorias.

Veja agora algumas deliciosas receitas de caponatas de berinjela

Caponata de berinjela deliciosa

Saiba que a caponata com seus perfumes e seus elementos de texturas carnudas e apaixonantes é um tipo de antepasto. A partir disto, de tão gostosa e leve, poderá facilmente se ganhar o papel de atração principal, e agora deixe este tipo de atuação surpreender você.

A caponata é um verdadeiro tesouro da gastronomia de forma étnica.

Com isto a comida típica da Itália este delicioso antepasto é servido para abrir as refeições, e por isso também é considerado um rico e delicioso petisco, se vier á mesa com deliciosas torradas.

Sua origem é da ilha da Sicilia e o prato é legítimo representante da dieta mediterrânea, e nele a estrela é a berinjela.

As berinjelas são deliciosas e tudo de bom para quem procura inclusive emagrecer. Apenas uma xícara de pedaços dela contém em torno de 8% das nossas necessidades de fibras, e por desempenharem inclusive um papel fundamental de digestão, nas fibras ajudando muito na perda de peso.

Chá de hibisco benefícios

chá de hibisco benefícios

Chá de hibisco emagrece
Chá de hibisco realmente emagrece?

Temos o chá de hibisco como um chá que poderá ser preparado com o cálice do botão seco da flor conhecida como Hibiscus Sabdariffa, o que é bem diferente daquela espécie de hibisco encontrada nos jardins. Devido ao fato de esta planta ser nutritiva, o chá é rico em substâncias antioxidantes, bem como os flanovonoides e ainda ácidos orgânicos. Estes são nutrientes diversificados que geram muitos efeitos de forma benéfica, entre estes efeitos podemos citar as ações diuréticas, que impedem a retenção dos líquidos, bem como a capacidade de evitar o devido acúmulo de gorduras, em especial na região da barriga e quadris por exemplo.

Este é um processo que ocorre porque o chá acaba reduzindo a adipogênese, o que é um processo onde ocorre uma maturação das células consideradas pré adipócitas que estão convertidas em adipócitos maduros, que possuem uma capacidade de acumular a gordura no corpo. Além disto, outros estudos apontam que alguns dos flavonoides que estiverem presentes na bebida possuem efeito cardioprotetor, e ainda vasodilatador. Desta forma, as substâncias poderão ajudar a aumentar o seu colesterol bom, o HDL, além de diminuir o colesterol ruim, o LDL, os triglicerídeos e a pressão arterial inclusive.

Conheça os principais e mais importantes nutrientes do chá de hibisco

Conheça algumas porcentagens de valor diário de alguns nutrientes que a porção recomendada de 200 ml, ou seja, um copo deste chá deverá carregar.

Nesta quantidade é possível encontrar pelo menos 213% da recomendação diária de vitamina B1, além de 123% de quantidade de ferro, além de 82% de vitamina C, além de 15% de vitamina B2, bem como 5% de vitamina A.

Os valores diários determinados como referência estão estabelecidos para adultos que tenham como base uma dieta equivalente de 2 mil kcal ou ainda 8400 kj. Os seus valores diários poderão ser maiores ou ainda menores dependendo de suas necessidades energéticas.

Entre seus componentes, podemos citar que o cálice da flor utilizado para elaboração do chá de hibisco é rico em vitaminas B2 ou seja, a riboflavina, o que poderá auxiliar na saúde da pele, dos ossos e dos cabelos, e a vitamina B1 em grandes quantidades, conhecida como tiamina. Saiba que todas as vitaminas existentes de complexo B ajudam o organismo a captar energia nas células, em especial ao auxiliar no metabolismo do oxigênio e da glicose, o que são as principais fontes de combustível das células. A partir disto, a vitamina B1, ainda por cima possui esta ação principalmente nos neurônios, que são células que formam o nosso cérebro.

No chá podemos ainda encontrar uma série de outros componentes, como por exemplo boas quantidades de ferro, que atuam no transporte do oxigênio no organismo, prevenindo desta forma problemas como a anemia, as dores de cabeça e o cansaço. A partir disto, a vitamina A, que conta com um efeito de cunho antioxidante, e é necessária para manter a qualidade da visão, o sistema imunológico, a pele e a saúde óssea, e a vitamina C que ajuda na proteção do organismo contra a baixa imunidade, além de prevenção de doenças cardiovasculares, doenças dos olhos e até mesmo o envelhecimento da pele, que estão presentes nesta bebida.

A bebida também oferece muitas substâncias antioxidantes, entre elas os flavonoides, em especial as antocianinas, que contam com um efeito cardioprotetor, vasodilatador, e que ainda contribuem para evitar um acúmulo das gorduras por exemplo.

Outro tipo de flavonoide que deverá ser citado é a quercetina, o que auxilia a proporcionar uma ação diurética, bem como os ácidos orgânicos, e os ácidos crítricos, os hibísticos, e málicos que também possuem uma ação antioxidante e estão presentes nas melhores quantidades de chá de hibisco inclusive.

chá de hibisco para emagrecer
chá de hibisco para emagrecer

As ações diuréticas do chá de hibisco

Outra informação importante de mencionar é que o chá de hibisco possui um efeito diurético, e por isso é um ótimo aliado para evitar a retenção dos líquidos. Estudos publicados recentemente observam que o flavonoide de quercetina presente na bebida é um dos nutrientes que mais auxiliam neste tipo de ação.

Conheça a partir de agora alguns dos maiores benefícios do chá de hibisco

O chá de hibisco ajuda a evitar o acúmulo de gordura

Algumas pesquisas que foram realizadas recentemente, e publicadas através do Journal of Ethnopharmacology da Sociedade Internacional de Etnofarmacologia apontam que o chá de hibisco tem a capacidade de reduzir a adipogênese.

Este é um processo que consiste na maturação das células onde as células pré adipócitas estão convertidas em adipócitos maduros, com uma capacidade de acumular a gordura do corpo.

Ao diminuir este tipo de processo, o chá de hibisco ajuda para que menos quantidade de gordura possa ficar acumulada na região abdominal, e nos quadris. Não está claro qual a substância que está presente na bebida que é a responsável por oferecer estes benefícios, mas se acredita que as ações antioxidantes de flavonoides, antocianinas, e quercetinas poderão ajudar a reduzir os depósitos existentes de gordura.

Em outra pesquisa recentemente realizada, é possível se concluir que o chá age na aldosterona, o que é um hormônio secretado pelas glândulas suprarrenais que poderão a partir disto regular o balanço eletrolítico do organismo, favorecendo desta forma a ação diurética do organismo. Outro ponto importante de se citar é que ainda não foram identificados que tipos de nutrientes que geram este tipo de benefício para a saúde.

Como emagrecer com chá de hibisco
Como emagrecer com o chá de hibisco

O chá de hibisco auxilia no controle do colesterol

Estudos publicados recentemente com portadores de diabetes, apontam que o consumo do chá de hibisco contribui para a diminuição do colesterol ruim, o LDL, e ainda o aumento do colesterol bom, o HDL. A partir disto, a bebida diminui o colesterol LDL em até 8% e aumenta o colesterol de HDL em 16,7% pelo menos.

O mesmo estudo compara o chá de hibisco com o chá preto e analisa que o primeiro acaba sendo mais eficiente para combater o colesterol do que o segundo. Tudo porque o preto somente aumenta o colesterol HDL, mas acaba diminuindo o colesterol LDL. Além disto, o chá de hibidsco é tão interessante para as pessoas que possuem problemas com níveis de colesterol, por ser rico em diversas substâncias de ações antioxidantes.

O chá de hibisco é excelente para o controle de pressão arterial

Estudos recentemente publicados apontam que o chá de hibisco ajuda a baixar a pressão arterial. Esta pesquisa contou com 65 pacientes que tiveram seus níveis de pressão arterial reduzidos ao consumir o chá. Estudiosos sobre o assunto acreditam que alguns dos flavonoides que estão presentes na bebida acabam proporcionando este benefício ao diminuir desta forma a enzima que atua sobre a pressão arterial.

para que serve cha de hibisco
Você sabe para que serve chá de hibisco?

O chá de hibisco é excelente para o cérebro

Saiba que o chá de hibisco conta com excelentes quantidades de vitaminas B1 e b2. A partir disto, todas as vitaminas pertencentes ao complexo B poderão ajudar o nosso corpo na captação da energia das células, e principalmente ao ajudar no metabolismo do oxigênio e da glicose, as principais fontes de combustível das células. A partir disto, a vitamina B1, ainda conta com esta ação principalmente em nossos neurônios.

Qual a quantidade recomendada do chá de hibisco

Saiba que a orientação é a de consumir um copo de pelo menos 200 ml de chá de hibisco. Em cada um dos copos é importante que se utilize entre 4 a 6 gramas de flores secas, o que é equivalente a uma colher de chá, ou ainda dois a três pacotes de chá.

cha de hibisco para que serve
chá de hibisco para que serve?
Como posso consumir o chá de hibisco?

Se utilizar a flor a granel, é importante a aquecer o mínimo possível para que não se percam as propriedades. Procure separar pelo menos 200 ml de água, deixando ferver depois disto, e adicione entre 4 a 6 gramas, o que é equivalente de uma colher de chá de flor seca. Procure mantar a bebida por pelo menos três minutos no fogo e depois disto ela poderá ser consumida.

O chá de hibisco comparado com outros chás

Quando comparado com outros chás, o chá de hibisco conta com uma quantidade de flavonoide antocianina, o que é um poderoso antioxidante, considerado tão relevantes quanto as frutas vermelhas e as frutas roxas, como por exemplo a amora, o morango e o mirtilo ou também a chamada blue berry. Em uma comparação com outros chás, o chá de hibisco é rico em vitaminas A e vitamina C, e em ferro, já o chá preto, e o chá de mate não possuem estes tipos de nutrientes.

cha de hibisco com gengibre
chá de hibisco com gengibre
Como combinar corretamente o chá de hibisco?

O chá de hibisco poderá ser combinado com alimentos termogênicos, o que são pessoas que pretendem emagrecer podendo combinar o chá de hibisco com um alimento considerado termogênico. Isto poderá ser muito útil já que o primeiro irá evitar que a gordura possa se acumular na região abdominal, e nos quadris, o segundo por sua vez será capaz de aumentar os gasetos de energia, uma ótima opção de bebidas termogênicas é o chá verde junto de outros componentes.

Quando o chá de hibisco é contraindicado?

O há de hibisco é contraindicado para gestantes e para lactantes, pelo fato de que alguns estudos considerados preliminares apontam que a bebida possui uma ação de trato mutagênico, ou seja, poderá interferir em toda a estrutura dos genes do bebê, trazendo desta forma uma série de problemas de saúde tanto para o parto como para a criança.

como tomar cha de hibisco
como tomar chá de hibisco
Os riscos do consumo extremo de chá de hibisco

Saiba que por contar com uma ação diurética, o consumo excessivo do chá de hibisco poderá fazer com que a pessoa possa eliminar muitos eletrólitos, o que são nutrientes fundamentais para o funcionamento do organismo, composto principalmente de cálcio, de potássio, sódio e até mesmo de magnésio. A partir disto, a falta destas substâncias poderá levar a situações de desidratação severa.

O extrato de forma seca da flor de hibisco poderá ser encontrado em lojas de produtos naturais.

Outra particularidade importante, é que apesar de todas as vantagens geradas pelo chá de hibisco, a relação existente entre a bebida e os hormônios femininos é algo muito preocupante. A partir disto, existe uma questão que envolve as pessoas de idade fértil, e se a mulher ou o homem que estiver nesta fase consumir o chá regularmente, poderá colocar em risco a sua fertilidade. Especialistas no assunto liberam a ingestão de 3 a 6 xícaras de chá por dia, caso aconteça uma situação onde a pessoa não estiver mais em idade fértil, ou não queira mais ter filhos.

Outros estudos apontam ainda que o hibisco possui componentes que interferem nos níveis de estrogênio, e acabam os alterando, fazendo com que este tipo de planta seja utilizado inclusive como um anticoncepcional.

Para as mulheres que sofrem de TPM e outros tipos de condições de sistema endócrino, o chá de hibisco poderá gerar uma piora, e até mesmo uma dificuldade maior para engravidar, ao interferir por exemplo no processo de ovulação. A partir disto, deverá ser evitado o consumo por mulheres em período de gravidez.

como fazer cha de hibisco
como fazer o chá de hibisco
Cuidado com o consumo em excesso

Como ocorre com qualquer outro tipo de planta, o hibisco em chá poderá gerar uma maior toxicidade se for consumido em doses excessivas, já que tudo o que ingerimos precisa ser devidamente metabolizado e eliminado pelo fígado e pelos rins.

Se for consumido em grandes quantidades, este tipo de bebida poderá não ser totalmente eliminada pelo fígado, intoxicando desta forma o organismo. O  seu consumo em excesso poderá gerar a eliminação de eletrólitos, como o sódio e o potássio, que estão presentes em seu sangue. A pessoa, caso já consuma medicamentos para esta finalidade, o efeito diurético do alimento poderá ser potencializado, o que não é nada desejável, é o que alerta o especialista.

Mesmo apesar de todas estas vantagens oferecidas pelo chá de hibisco, a relação entre a bebida e os hormônios femininos é algo preocupante. A partir disto, existe uma questão que envolve as pessoas em idade fértil, por isso é indicado consultar um especialista no assunto para visualizar este tipo de situação e analisar da melhor forma possível.

Patê de berinjela

Receita de patê de berinjela

Aprenda a fazer o patê de berinjela.

Fazer o patê de berinjela é muito fácil, veja os ingredientes necessários para utilizar em seguida.

Como ingredientes você vai precisar de:

4 berinjelas

1 pimentão verde

1 pimentão vermelho

1 pimentão amarelo

2 cebolas grande

1 xícara de chá de azeite extravirgem de oliva

4 colheres (sopa) de vinagre (de preferência, de maçã)

6 dentes de alho grandes

Orégano a gosto

Azeitonas (preta ou verde) a gosto

Um pouco de pimenta-do-reino moída

Sal a gosto

Como preparar a receita do patê de berinjela

Para preparar a receita é muito simples, primeiramente, procure cortar as berinjelas em cubos e coloque as mesmas de molho na água por pelo menos 15 minutos. Isto deverá servir para que elas não escureçam, e então escorra bem as berinjelas.

Posteriormente, procure fritar bem o alho, e a cebola no azeite, colocando desta forma a berinjela em cubos e os demais ingredientes deixando refogar em fogo baixo por pelo menos 20 minutos até que seque o molho, sempre procurando mexer para não queimar.

Espere então esfriar, e depois procure bater no liquidificador a mistura ou em um processador de alimentos até que vire uma pasta.

Você poderá guardar o alimento em recipientes com tampa na geladeira, e posteriormente servir com pães, com bolachas, torradas, entre outros alimentos deliciosos, substituindo assim a margarina ou a manteiga para que fiquem mais saudáveis.

O fruto da berinjela é considerado como o fruto de uma planta originária da índia, e devidamente cultivada na África. Ela foi provavelmente introduzida na Europa pelos Árabes, o que posteriormente passou a vir para as Américas. Esta é uma hortaliça anual, e a época de seu plantio deverá ocorrer entre os meses de setembro a fevereiro, e ocorre em regiões de clima quente, durante o ano inteiro. A planta é sensível ao frio, á geada e ainda ao excesso de chuva durante o seu processo de floração.

Conheça os principais tipos de berinjelas

A berinjela poderá ser clara, de coloração rajada ou ainda escura, levando em conta seu comprimento e também seu diâmetro.

Deixando os mitos da berinjela de lado

Durante os últimos anos, o consumo de berinjela aparentemente acabou aumentando devido as informações veiculadas sobre os seus supostos benefícios que seu consumo ofereceria para as pessoas. A partir disto, a ideia que é mais difundida atualmente é que seu consumo de forma regular poderia ajudar a diminuir os níveis de colesterol.

Apesar de muitas pessoas acreditarem neste tipo de informação, até o momento não foram comprovados por estudos científicos este tipo de afirmação nos usuários que consomem este fruto.

Além disto, outro ponto importante a se citar é que os estudos realizados a partir de extratos secos de berinjela apontam uma pequena relação entre a diminuição do colesterol, e o consumo do extrato seco do fruto. Em contrapartida, a resposta clínica do estudo não atinge os valores estabelecidos através de órgãos competentes que possam qualificar como grandes os benefícios para a saúde da berinjela.

Outros estudos não constataram ainda nenhum tipo de efeito para seu suco devidamente misturado com a laranja, onde teremos 200ml por dia, em níveis considerados plasmáticos do colesterol total e das suas frações de frutos em LDL, VLDL e também o HDL, bem como os triglicerídeos.

E apesar dos diversos resultados, os pesquisadores em questão também concordam que existem poucas informações sobre os benefícios que ela oferece com relação ao seu colesterol.

Que benefícios a berinjela oferece para a saúde?

Apesar de não haver uma comprovação até o momento de que a berinjela possa diminuir o colesterol, este tipo de hortaliça acaba fornecendo muitos outros nutrientes interessantes, que são altamente benéficos para a saúde.

Levando em conta toda a sua composição nutricional do fruto, este poderá ser tratado como ótimo em fontes de minerais e de vitaminas. A partir disto, as análises laboratoriais apontam que em pelo menos 100 gramas de berinjela crua, estão encontradas quantidades significativas de minerais, entre eles podemos citar o magnésio, o zinco, o potássio, o cálcio, o ferro, o fósforo, entre outros componentes.

Os principais tipos de vitaminas são encontradas no fruto, entre eles temos a vitamina A, B1, B2 e C. Além de tudo isto, existe um destaque por apresentar uma maior quantidade de água, o que é essencial para manter seu corpo devidamente hidratado e ainda favorecer as reações químicas de células corporais, uma porcentagem significativa de fibras, o que ajuda no melhor funcionamento intestinal, e na formação de bolo fecal, além disto. Outra particularidade é que o alimento é considerado de baixíssimas calorias, ajudando a controlar o peso.

Qual a composição da berinjela?

A composição da berinjela é apontada com diversos tipos de nutrientes, estes nutrientes que são muito importantes para a manutenção da saúde. Veja logo abaixo alguns dos seus nutrientes especiais, que podem ser encontrados em sua composição, além de suas funções determinadas.

A berinjela é rica em magnésio, este que atua nas reações enzimáticas do organismo, fazendo parte de toda a constituição dos ossos e também dos dentes.

O zinco por sua vez, deverá atuar no crescimento e no desenvolvimento do sistema imunológico, e está relacionado de forma direta com a reprodução.

Além disto, o potássio deverá atuar por sua vez na contração dos músculos, bem como na síntese de glicogênio e no metabolismo proteico e de carboidratos.

O cálcio por sua vez, deverá atuar na formação de ossos, e dentes, na transmissão dos impulsos nervosos e ainda na contração muscular.

Já a vitamina B1 presente no fruto possui uma importante função no metabolismo dos carboidratos e de gordura, a vitamina B2 por sua vez, atua em muitos processos metabólicos do organismo, além da transformação das gorduras, das proteínas e dos carboidratos.

A vitamina C disponível na berinjela por sua vez, deverá atuar com seus antirradicais livres, facilitando desta forma a absorção do ferro, e glicose, agindo na fabricação dos neurotransmissores para o organismo.

Além de todos estes componentes disponíveis, a berinjela possui uma boa quantidade de fenóis, estes que agem como antioxidantes, substâncias que possuem atividades anti inflamatórias para evitar assim que as plaquetas sanguíneas venham a se aglomerar. Além disto, o componente inibe a ação de radicais livres do organismo, para a devida proteção de moléculas de DNA, prevenindo desta forma os processos carcinogênicos por exemplo.

A comercialização das berinjelas

As berinjelas mais comercializadas são as com casca arroxeada, e a partir disto a tonalidade de sua casca deverá vir na presença das antocianinas, proantocianinas e os flavonoides. As duas primeiras substâncias acabam por inibir a produção dos radicais livres, e os flavonoides acabam apresentando algumas propriedades antioxidantes. Levando isto em conta, é recomendado que esta seja consumida com as cascas.

Algumas sugestões de preparo e do consumo de berinjela

A berinjela conta com suas preparações mais utilizadas em alimentos como o cuscuz, o suflê, as tortas, saladas, recheada ou ainda em forma de lasanhas ou ainda á milanesa, o que não é uma forma muito nutritiva.

Como comprar as melhores berinjelas?

As berinjelas de boa qualidade precisam apresentar um pedúnculo em coloração verde e rija, com frutos escuros, sem manchas, além de ser macio, de pele fina, brilhante e com suas sementes claras. As berinjelas opacas e amolecidas estão velhas e acabam perdendo assim um pouco das suas propriedades nutricionais.

Como armazenar as berinjelas?

Até o momento de seu preparo, a berinjela deverá ser armazenada inteira, e com casca para que não exista uma perda de nutrientes e possíveis alterações sensoriais, em refrigeração a berinjela deverá ficar em torno de no máximo quatro dias. Agora, se for guardada dentro da geladeira, em um saco plástico, ela poderá durar mais de duas semanas.

Como preparar corretamente a berinjela?

O preparo da berinjela deverá ser realizado com casca, em pedaços grandes, e se ela for cozida em água, o volume de água de cozimento deverá ser o menor possível, para minimizar desta forma a perda dos nutrientes. Procure evitar cozinhara por um tempo prolongado o legume em altas temperaturas, já que desta forma é possível se reduzir significativamente a perda de vitaminas hidrossolúveis, tanto as vitaminas C como vitaminas de complexo B.

Como evitar o gosto amargo da berinjela?

Para que se possa retirar o gosto amargo que caracteriza a berinjela, procure cortar a mesma ao meio, esfregando a mesma com sal e escorra, ou ainda procure deixar aberta a mesma coberta com sal e água, além de limão e vinagre por pelo menos 15 minutos. Em seguida procure escorrer, secando com um papel absorvente.

A partir destas orientações você poderá introduzir este alimento em seu cardápio toda a semana, e assim aproveite ao máximo tudo o que ela poderá oferecer.

O patê de berinjela é uma delícia além de ajudar a perder peso e baixar o colesterol

Não há nada melhor do que uma receita deliciosa, e ao mesmo tempo saudável, não é verdade? Esta é a situação do patê de berinjela, seu sabor é uma delícia, e os benefícios são inúmeros, reais e comprovados por diversas pesquisas.

Estudos realizados aqui no Brasil, pelo departamento de nutrição e diabética da UFRJ apontam que há uma redução de forma significativa na circunferência da cintura, ou seja, da gordura abdominal nas pessoas que incluíram a berinjela em sua dieta.

A partir disto, como se não bastasse, o grupo que fez parte da pesquisa ainda acabou vendo o índice de massa corporal, o imc baixar e o percentual de massa magra inclusive subir.

Por qual motivo a berinjela ajuda a emagrecer?

É bastante provável que graças a uma substância presente na mesma, a niacina, o que contribui de forma intensa para perder peso.

Existem ainda fibras que são responsáveis por oferecer uma sensação maior de saciedade, e auxiliam ainda na redução da absorção intestinal das gorduras.

Muitas pesquisas provam que o consumo de berinjela acaba reduzindo de forma substancial as taxas de triglicerídeos, e ácido úrico, afastando desta forma a chance de se desenvolver as doenças cardiovasculares.

Há ainda alguns trabalhos que possam associar o consumo da berinjela com a redução de colesterol e de prevenção das doenças do coração.

A água de berinjela com limão também é uma boa pedida para perder peso

Saiba que uma berinjela, de tamanho médio, se for de cultivo orgânico oferecerá ainda mais benefícios para a saúde, já que saberemos que ela é natural e não possui pesticidas.

Para fazer esta água para emagrecer é necessário se utilizar de uma unidade de berinjela.

Um limão de tamanho médio, que não esteja excessivamente maduro.

Um litro de água e uma jarra de vidro.

Veja como preparar a água de berinjela.

Primeiramente, procure limpar bem a berinjela, para isto procure a lavar com um pouco de vinagre de maçã e um pouco de bicabornato de sódio. Desta forma é possível se eliminar todo o tipo de tóxicos e ainda possíveis restos de pesticidas de berinjela, e por último procure enxaguar a mesma com água.

A berinjela ainda deverá ser cortada em rodelas, com mais ou menos um centímetro e meio de espessura, sendo utilizada já com casca. O próximo passo será introduzir rodelas de berinjela em uma jarra de vidro, procurando assim colocar rodela por rodela e acrescentar um litro de água na mistura.

Agora, esprememos o limão, e acrescentamos o mesmo na jarra. Procure mexer tudo com uma colher grande, levando a jarra para a geladeira.

Esta é uma mistura que deverá passar a noite toda na geladeira, desta foram a berinjela irá liberar os seus líquidos com toda as suas propriedades, e além de tudo isto o suco deverá ganhar um maior potencial graças ao limão, o que poderá lhe dotar um sabor altamente agradável.

A água de berinjela é recomendada que seja consumida pelo menos todos os dias durante o café da manhã, um copo de água de berinjela com limão durante o almoço, um no café da tarde e um no jantar.

Procure sempre consumir antes das refeições, já que a mistura irá agir não apenas como inibidora de apetite, mas ao chegar em nosso estômago irá nos ajudar a digerir totalmente as gorduras e a eliminar.

Goji Berry Benefícios

Saiba tudo sobre a Goji berry e seus benefícios

Logo em seguida descubra qual a finalidade do goji berry, bem como consumir e todos os benefícios do componente para a sua saúde.

O fruto do goji berry vem da planta de nome Lycium barbarum é originária de montanhas do Tibet. E ele conta com um destaque por ser muito rico em vitamina C, o que é um nutriente que melhora o sistema imunológico, com o humor e ainda evita problemas oftalmológicos e alguns derrames, ajudando a emagrecer neste sentido. Além de tudo isto, a fruta possui uma ação antioxidante e de anti inflamatórios equilibrando principalmente os níveis de colesterol e protegendo o coração e o cérebro inclusive.

O goji berry ajuda ainda a diminuir todas as celulites e previne doenças graves e sérias, como por exemplo o diabetes e o câncer. O alimento é considerado como a maior fonte conhecida dos carotenoides, e por este motivo geralmente contribui para evitar os problemas de visão, e ainda poderá oferecer uma fotoproteção adicional em pessoas que estiverem suscetíveis a raios ultravioleta.

Quais são os nutrientes que só trazem benefícios para a saúde do goji berry?

Pelo menos 100 gramas de goji Berry contam com algo em torno de 50 vezes mais vitamina C do que uma laranja. Este é um nutriente responsável por oferecer muitos benefícios para o organismo. Levando isto em conta, a vitamina C é a responsável por melhorar a imunidade, o humor, e ainda ajudar a emagrecer.

Além disto temos a diminuição do estresse, o ato de evitar o envelhecimento da pele, proporcionar uma maior resistência para os ossos, prevenir e melhorar gripes e resfriados, entre uma série de outras coisas. Outra particularidade é que a goji berry auxiliar na absorção do ferro, prevenindo possíveis derrames e conta com uma ação antioxidante diferenciada.

Outra informação que não se pode deixar de mencionar, é que o alimento é considerado como a maior fonte já conhecida de carotenoides. Este tipo de substância é fundamental para a saúde da pele, e da visão, prevenindo problemas nestas áreas. Pesquisas recentemente realizadas por universidades renomadas, sugerem que a goji berry poderá proporcionar uma grande fotoproteção adicional nas pessoas que são mais suscetíveis a raios ultravioleta no dia a dia.

Com relação aos seus benefícios vitamínicos, este é um fruto rico em vitaminas de complexo B, em especial vitaminas B1, B2 e B6. Na vitamina B1 temos o auxílio completo do funcionamento do sistema nervoso, muscular e ainda cardíaco, e é responsável por participar do metabolismo de glicose. A deficiência deste tipo de nutriente poderá gerar lesões cerebrais potencialmente irreversíveis.

Muitas pesquisas apontam também a importância dos compostos de vitamina B2 como um grande fator de proteção contra doenças cardíacas e ainda processos tumorais. A vitamina B6 por sua vez auxilia na degradação de homocisteína, o que é uma substância que quando ocorre em excesso na corrente sanguínea e aumenta os possíveis riscos de doenças cardiovasculares. Além de tudo isto, ela possui um papel diferenciado no metabolismo de proteínas, carboidratos e lipídeos e sua função principal está na produção de epinefrina, serotonina, o que proporciona um bem estar, e outros tipos de neurotransmissores inclusive.

Quais outros nutrientes a Goji Berry oferece para você se for consumida?

Saiba que a goji berry ainda conta com pelo menos 19 aminoácidos, o que poderá incluir oito essenciais que o nosso organismo não consegue produzir, e necessita de uma aquisição por meio de alimentações. Os aminoácidos poderão apresentar uma função fundamental na manutenção de massa muscular, além de formação celular, proteínas e os tecidos mais importantes.

Os minerais existentes no fruto totalizam 21, e estas substâncias possuem diversas funções primordiais na manutenção dos equilíbrios considerados hidroeletrolíticos do organismo, bem como uma manutenção da pressão que poderá ficar dentro e fora das células e a função protetora diminuindo desta forma os riscos de doenças. Dentre os minerais, o alimento possui um destaque por uma presença de germânio que oferece uma atividade no organismo anticancerígena.

A betaína também faz parte da composição deste fruto, e é utilizada pelo fígado para produzir a chamada colina, o que é uma substância necessária para formar os fosfolípides, o que são componentes existentes em todas as membranas celulares. Para finalizar, a goji berry conta ainda com polissacarídeos, em especial as beta glucanas, que são conhecidas como modificadores de respostas imunológica contra os processos infecciosos.

Quais são os benefícios comprovados cientificamente que a Goji Berry oferece ao ser consumida frequentemente?

O Goji Berry é um excelente auxiliar para emagrecer

Em pesquisas publicadas recentemente, foi apontado que a ingestão diária de pelo menos 120 ml de sucos de goji berry por 14 dias foi capaz de reduzir a circunferência da cintura, e ainda aumentar as taxas de metabolismo nos seres humanos, comparando com as pessoas que consomem os sucos convencionais.

Uma particularidade recentemente descoberta é que pesquisas apontam que os indivíduos que possuem um baixo consumo de vitamina C poderão ser mais resistentes a perda de messa gorda, e por isso 45 gramas de goji berry contam com pelo menos 90 gramas de vitamina C, o que é exatamente uma quantidade diária recomendada do nutriente por especialistas. O goji berry além de todos estes benefícios é pouquíssimo calórico, onde uma colher de sopa do fruto, possui apenas 50 calorias.

O Goji berry diminui as celulites

O fruto da Goji Berry é rico em beta sisterol, o que é um nutriente diferenciado que possui uma ação anti inflamatória, o que melhora de forma significativa as celulites, já que elas são caracterizadas por um tipo de inflamação.

Os altos teores de fibras da fruta, aliados ao beta sisterol contribui para estabilizar todos os níveis de colesterol, o que quando estão em excesso poderão aumentar de forma substancial as celulites.

A Goji Berry auxilia na melhora do sistema imunológico

Saiba que o fruto é rico em vitamina C, e este tipo de nutriente poderá aumentar a produção dos glóbulos brancos, o que são células que fazem parte do sistema imunológico que possui uma função de combater os microorganismos e ainda as estruturas estranhas ao seu corpo. Esta é uma vitamina que também aumenta os níveis de anticorpos do organismo, desta forma, ela ajuda no fortalecimento do sistema imunológico, deixando o nosso corpo menos suscetível as doenças.

Entre outras particularidades, a Goji berry melhora a visão

Este é o fruto que é considerado com ao maior fonte conhecida de carotenoides. Este é um nutriente responsável por toda a prevenção e o auxílio da saúde da visão. Muitos estudos apontam ainda que o goji berry possui quantidades significativas de zeaxantinas, o que melhoram as funções existentes da retina.

Os carotenoides existentes no goji berry ainda facilitam e geram muitos benefícios para a pele, uma pesquisa realizada recentemente em Sidney apontou que o Goji berry oferece uma fotoproteção adicional a pele, em pessoa que são mais suscetíveis ao recebimento de raios ultravioleta.

Outro grande diferencial do Goji Berry é a proteção do cérebro

O goji berry ainda conta com ácidos graxos essenciais, estes que são necessários para uma síntese de hormônios e que ainda regulam o funcionamento do cérebro, e do sistema nervoso. Além de tudo isto, as vitaminas de complexo B e a forte ação de antioxidantes da fruta contribuem para evitar os problemas neurológicos do organismo.

Quais são os possíveis benefícios do goji berry que não são comprovados?

Alguns estudos realizados de forma preliminar, mostram que por contar com polissacarídeos, o goji berry produz um efeito considerado hipoglicemiante significativo quando for administrado em via oral nos ratos, o que melhorou não apenas a glicemia de jejum, mas também os níveis de colesterol total e triglicérides em modelos de animais diabéticos. Em contrapartida, não existem estudos que possam comprovar este tipo de ação nos seres humanos.

Qual a quantidade de goji berry diária que deve ser consumida?

Para que se possa atingir um efeito de forma medicinal, a dosagem diária recomendada de goji berry é equivalente entre 15 a 45 gramas, ou ainda 120 ml de seu suco.

Como deve ser consumida a goji berry?

O que deve ser ideal é o consumo de goji berry durante a manhã, já que assim o fruto irá proporcionar uma boa energia para o dia que deverá começar. O alimento poderá ser misturado a outros tipos de frutas ou saladas, sucos e iogurtes. Aqui no Brasil é difícil encontrar a versão convencional do goji berry, em sua maioria, ela deverá ser consumida desidratada.

Se o alimento for ingerido em sua versão desidratada é recomendada a ingestão de um líquido junto ao fruto para hidratar as fibras, e ainda potencializar os efeitos benéficos do fruto para a saúde. Uma outra alternativa interessante é o consumo do goji berry em forma de suco.

Os suplementos e chás de goji berry funcionam?

Sim, são muitas as pessoas que optam por consumir o chá de goji berry, em contrapartida, ainda não existem indicações ou estudos de forma científica renomada qu3e comprove os benefícios deste tipo de bebida.

A partir disto, os suplementos de goji berry apenas poderão ser ingeridos depois de uma orientação médica, e não existem pesquisas que comprovem se estes alimentos possuem pontos positivos ou não para a sua saúde.

Qual a comparação do goji berry com outros tipos de alimentos?

Ao ser comparado com outros alimentos, o goji berry tem um destaque por uma grande quantidade de nutrientes. São pelo menos 45 gramas de goji berry, que contam com pelo menos 22 vezes mais vitamina C do que as laranjas.

Os frutos ainda contam com seis vezes mais vitamina C do que o kiwi, que é um outro alimento que possui altas quantidades deste nutriente. O fruto de goji berry também possui mais carotenoides do que qualquer outro tipo de alimento conhecido, como por exemplo a cenoura.

Para quem o goji berry é contraindicado?

Muitas pesquisas realizadas com o fruto de goji berry apontam que o seu consumo interaja com o P450, o que é um local no fígado onde muitos medicamentos são metabolizados. Por este motivo o consumo dos alimentos não são indicados para quem fizer a utilização de medicações diárias que sejam importantes para o controle de glicemia e também os controles de pressões.

Qual o risco do consumo excessivo do goji berry?

Muitos estudos que são realizados nos Estados Unidos citam que o consumo excessivo dos chás de goji berry possuem uma ação inibitória de medicação utilizada para evitar desta forma a trombose, ou ainda os anticoagulantes.

Onde é possível comprar o goji berry?

O Goji Berry é difícil de encontrar na versão in natura, mas a versão seca pode ser encontrada frequentemente em diversos locais, as principais lojas que comercializam este produto são as lojas de medicamentos e de produtos naturais.

Os famosos e a goji berry

Muitas celebridades, entre elas podemos citar Kate Moss, Madonna, Mick Jagger, Victoria Beckham, entre outras celebridades, descobriram esta deliciosa fruta pequena, de aroma levemente amargo, como um verdadeiro tesouro para a saúde. O fruto é originário do sul da Ásia, da China, do Tibete e da índia, com isto o Goji Berry já é conhecido como o grande segredo das celebridades se manterem mais jovens, e cada vez mais vem sendo utilizadas pelas celebridades brasileiras, tendo tudo para que se torne uma verdadeira sensação o ano todo.

Tudo porque as pesquisas apontam que voluntários que consomem apenas 120 ml de suco de fruta por pouco mais de duas semanas, apresentam um maior e melhor rendimento durante a prática das atividades físicas, bem como a redução das fadigas e de estresse, o que poderá contribuir para o seu emagrecimento. Existe ainda uma significativa melhora na função gastrointestinal, bem como a melhora na qualidade do sono e a capacidade maior e melhor de concentração no dia a dia.

Este tipo de suco, para se ter uma ideia, possui duas vezes mais betacaroteno do que as cenouras, além de 15 vezes mais ferro do que os espinafres, e ainda 50 vezes mais vitamina C do que as laranjas. O que mostra que, se for consumido corretamente, o fruto é excelente para a saúde.

Goji Berry Benefícios

Vinagre de maça emagrece?

Descubra aqui se o vinagre de maça emagrece!

este é um tipo de tempero que também serve de forma excelente para as articulações, além de contar com uma ação antioxidante.

Saiba que o vinagre de maçã conta com uma série de benefícios para a saúde. Este é um alimento que contribui para o emagrecimento e conta com uma série de ações antioxidantes, protegendo desta forma o fígado, prevenindo assim o diabetes, as câimbras, além de contar com uma ação diurética e melhorando as articulações e a digestão.

Este é um alimento que poderá ser feito a partir de qualquer tipo de alimento que contenha açúcar, como por exemplo a maçã, a uva, a framboesa, o maracujá, a cana de açúcar, entre outros alimentos diversos.

No caso desta versão que conta com a maçã, saiba que a fruta deverá sofrer um processo de fermentação por algumas leveduras que ocorram de forma benéfica por bactérias que são chamadas de acetobacters. A partir disto, os açúcares naturais são devidamente transformados em álcool e posteriormente é convertido em ácido acético. Existe uma concentração usual no vinagre de maçã que é equivalente de 5% de ácido acético, e de 95% de água, além da possibilidade de contar com alguns minerais, vitaminas, e principalmente fitoquímicos, como por exemplo os polifenóis que acabam ajudando a gerar um sabor diferenciado, além de uma série de benefícios.

É importante citar que o vinagre de maçã possui mais substâncias benéficas do que os demais vinagres. Este é um alimento que conta com ácido acético, bem como enzimas, catequinas e quercetinas, o que são antioxidantes, bem como traços de fibra solúvel, betacaroteno e minerais, em especial quantidades de potássio.

Quais são os principais nutrientes do vinagre de maçã?

Saiba que o vinagre de maçã conta com boas quantidades de ácido acético. E este é um tipo de ácido que inibe as ações de diversas enzimas que acabam digerindo os seus devidos carboidratos, entre estes carboidratos podemos citar a amilase, a sacarase, a maltase e a lactase por exemplo.

Desta forma, este é um ácido considerado bloqueador natural de absorção dos amidos e açúcar, quando estas enzimas são devidamente bloqueadas, os carboidratos acabam passando de forma direta através do trato digestivo, desta forma são eliminadas as calorias que se tivessem sido absorvidas, e que contribuíram para um aumento de peso.

O ácido acético oferece uma melhoria de eficiência dos músculos, bem como a recuperação após a realização dos treinos. Além de tudo isto, a substância deverá fazer com que a glicose seja liberada de forma lenta, o que é muito benéfico para que se possa prevenir o diabetes por exemplo.

Este é um alimento que possui boas quantidades de quercetina, e ela é importante pois conta com uma ação antioxidante, melhorando a imunidade, e ainda ajudando a reduzir os efeitos de histamina, o que é uma substância que gera sintomas de inflamação e de alergias. Entre outras substâncias com ação antioxidante e estão presentes no vinagre são as chamadas catequinas.

O vinagre de maçã conta ainda com diversos traços de fibras pectina que geram uma maior saciedade, uma maior absorção de gorduras, e ainda uma boa melhoria do trânsito intestinal. Este é um alimento que possui também betacaroteno, evitando assim problemas de visão e protege a pele, bem como o potássio, este que é fundamental para o funcionamento das células do organismo.

Conheça alguns dos benefícios já comprovados cientificamente do vinagre de maçã

O vinagre de maçã ajuda a emagrecer

Estudos realizados em universidades americanas, e publicados nas principais revistas sobre o diabetes do mundo, observam que após realizada a ingestão de duas colheres de sopa de vinagre de maçã, estes diluídos em água antes do almoço e do jantar, os participantes acabam perdendo em média dois quilos em um mês de consumo.

Este processo ocorre devido ao alimento ajudar a reduzir de forma significativa os picos de insulina e níveis de glicose depois das refeições que são ricas em carboidratos. Além disto, os picos de insulina são os inimigos de emagrecimento, já que quando os carboidratos são absorvidos de foram rápida pelo sistema digestivo, os níveis do sangue acabam subindo de forma súbita.

Desta forma, o pâncreas ainda libera muita quantidade de insulina, o que deverá baixar de forma drástica os níveis de glicose do sangue, levando assim a uma hipoglicemia e uma consequente sensação de fome que poderá vir a acontecer.

Outra informação importante de ser citada é que o ácido acético presente no tempero serve como um tipo de bloqueador natural de absorção dos amidos e de açúcar inclusive. Sempre que as enzimas estiverem bloqueadas, os carboidratos acabam passando direto através do trato digestivo, se comportando como as fibras insolúveis, o que não poderão ser digeridas. Desta forma, são eliminadas uma grande parte das calorias que se forem absorvidas, certamente poderiam dificultar a perda de peso.

O vinagre de maçã ajuda a prevenir o diabetes

Saiba que o vinagre de maçã auxilia a prevenir doenças pois reduz os níveis de glicose e automaticamente os picos de insulina que acontecem após as refeições, principalmente as ricas em carboidratos.

Sempre que a insulina é produzida, e liberada pelo corpo, em grandes quantidades, levando assim aos picos, alguns tecidos e órgãos começam a reduzir a sua resposta para ele, sendo preciso de mais insulina para armazenar uma mesma quantidade de glicose. Este é um processo que é considerado um quadro chamado de resistência á insulina, o que se não for revertido poderá evoluir para o diabetes de tipo 2.

O vinagre de maçã auxilia na diminuição de rigidez articular

Saiba que o vinagre de maçã acaba melhorando a rigidez articular, tudo porque o ácido acético possui uma ação considerada quelante de eliminação dos cristais minerais que estão depositados nas articulações e no organismo como um todo.

O vinagre de maçã é um excelente auxiliar para o sistema circulatório

O vinagre de maçã, auxilia na melhora de digestão, tudo porque este vinagre é fermentado e rico nas enzimas, desta forma o alimento deverá ficar menos tempo retido no estômago, e ainda poderá haver uma melhora na azia e nos refluxos do organismo.

Além disto, o vinagre de maçã auxilia no trato dos ácidos málicos, láticos e cítricos, o que ajuda na saúde do fígado, e também acabam o tornando mais eficaz no processamento das toxinas, o que auxilia de forma significativa o corpo a eliminar as mesmas de forma rápida e precisa.

O vinagre de maçã é ótimo para a pele

Apenas uma colher de sopa de vinagre de maçã diluída em um copo de 300 ml de água poderá ser utilizada como um tônico para a pele. Este tipo de combinação auxilia de forma substancial a redução dos excessos de oleosidade cutânea e ainda com a acne.

Além disto, outra informação importante é que o ácido acético que está presente no vinagre auxilia para converter a glicose em glicogênio, o que é armazenado por músculos e pelo fígado como uma ótima fonte de energia para as atividades realizadas no dia a dia. Além disto o glicogênio é utilizado de forma rápida e precisa pelo organismo, não se transformando em gordura. Quanto mais glicogênio for ingerido no organismo, mais energia, e desta forma os músculos acabam se tornando muito mais eficientes, o que facilita bastante a malhação e a recuperação depois das atividades físicas.

O vinagre de maçã ajuda a clarear os dentes

Se você tiver vergonha, porque possui seus dentes amarelos, o vinagre de maçã é uma forma interessante, barata e muito simples de restaurar o brilho perolado e natural dos seus dentes.

Além disto, o vinagre de maçã deverá ajudar a remover as manchas e mata as bactérias da boca e da gengiva.

Tudo o que precisa ser feito é gargarejar com o vinagre de maçã todas as manhãs, e em seguida procurar escovar os dentes de forma convencional.

O consumo de maçã regularmente auxilia ainda neste sentido, e como a fruta é crocante, ela acaba esfregando os dentes como um tipo de escovas de dentes.

O vinagre de maçã trata da constipação

No vinagre de maçã é possível encontrar uma série de complementos para a saúde, entre elas a pectina. A pectina nada mais é do que uma fibra considerada solúvel e eu promove os movimentos de forma intestinal, o que torna o componente um ótimo tratamento natural para situações de constipação.

O ato de adicionar duas colheres de sopa de vinagre de maçã para um copo de água, onde você deverá beber pelo menos três vezes ao dia. A partir disto, é possível adicionar suco de maçã ou de uva junto da mistura para o tornar um pouco mais palatável.

Quais são os benefícios que ainda estão em estudo do vinagre de maçã

Além do ato de facilitar o emagrecimento, o vinagre de maçã ajuda na prevenção do câncer, onde estudos preliminares que são realizados com cobaias, apontam que o vinagre de maçã poderá ser capaz de matar as células cancerosas, ou ainda retardar seu crescimento. Em contrapartida, as pesquisas realizadas com seres humanos não possuem sempre os mesmos resultados, inclusive os estudos relacionam o vinagre de maçã a um risco aumentado de câncer de bexiga.

O consumo do vinagre de maçã

Como deve ser feito o consumo do vinagre de maçã?

Saiba que o vinagre de maçã poderá ser consumido na salada. E ainda o alimento poderá ser adicionado junto da água e do suco. Para que se tenha a quantidade recomendada, uma boa alternativa é procurar colocar uma colher de chá de vinagre de maçã na salada do almoço, e noutra na do jantar, acrescentando o restante em um copo de água ou de suco. Este é um alimento que poderá ser aquecido durante a elaboração das receitas, em contrapartida, é importante evitar o consumir de forma pura.

Outra informação importante que precisa ser citada é que é fundamental comprar um vinagre de maçã orgânico, não pasteurizado e não filtrado. Este vinagre ideal é o que apresenta uma teia fina boiando no seu conteúdo, o que são por sua vez as enzimas e a cultura bacteriana que ocorre de forma benéfica ao processo de fermentação do organismo.

Com relação as tabelas nutricionais de vinagres, o vinagre de maçã possui algumas vantagens quando for comparado com outros tipos de vinagres por ser elaborados com maçã. Este é um fruto que possui uma série de fitoquímicos, como por exemplo as catequinas, eu que possuem uma forte ação antioxidante, e também a quercetina, que também costuma agir como antioxidantes e melhora a imunidade ajudando na redução dos efeitos de histaminas, uma substância que gera diversos sintomas de inflamação e de alergia para o organismo.

A versão de vinagre de maçã conta com traços de pectina e de betacaroteno. Levando isto em conta, todos os vinagres contam com ácido acético em sua composição.

Quando o vinagre de maçã é contraindicado?

O vinagre de maçã é contraindicado em diversas situações, como por exemplo para as pessoas que sofrem de úlceras e devem evitar o consumo de vinagre de maçã. Quem possui problemas gástricos e ainda precise fazer uma série de restrições no dia a dia e não deve consumir muito vinagre.

É recomendado ainda que estes indivíduos possam evitar os sucos ácidos, refrigerantes, condimentos, os chás e os cafés, já que estes são alimentos que convencionalmente geram irritação estomacal.

Quais são os riscos do consumo em excesso do vinagre de maçã?

O ato de consumir o vinagre de maçã em excesso poderá levar a diversos problemas de saúde, além disto, pesquisas com animais indicam que a maioria das quantidades do tempero poderão gerar danos estomacais, bem como no duodeno e no fígado devido a sua acidez determinada.

Esta acidez do tempero por sua vez poderá chegar ao ponto de mudar o ph do sangue, e ainda gerar uma acidose metabólica, um quadro de risco que poderá ser fatal para o usuário. Em contrapartida, este problema apenas deverá acontecer quando o vinagre for consumido em quantidades excessivas, como por exemplo uma garrafa inteira por dia.

As grandes quantidades de vinagre poderão de forma teórica interagir com os diuréticos, laxantes e ainda medicamentos para o diabetes, bem como as doenças cardíacas.

Cuscuz Engorda?

Você saber se o cuscuz engorda? Confira aqui!

O Cuscuz é um prato árabe originário a região norte da África de Magrebe, e consiste em uma preparação de sêmola de cereais, principalmente de trigo. De forma tradicional, a sêmola é amassada a mão com um pouco de água até que comece a se transformar em pequenos grãos que deverão ser cozidos no vapor de uma cuscuzeira, e servidos posteriormente com um molho que poderá ser feito na parte inferior da cuscuzeira. Em regiões como a Tunísia, o cuscuz possui um estatuto de prato nacional, mas em localidades como o Marrocos e a Argélia, é praticamente considerado como o prato do dia.

Que tipos de molho podem acompanhar o cuscuz?

Os molhos que poderão acompanhar o cuscuz poderão ser o guisado, ou ainda apenas vegetais, é possível que se varie entre a carne ou o peixe, o que é encontrado principalmente em regiões costeiras.

Na Tunísia por exemplo, o cuscuz mais popular é o preparado com carne de borrego e frutas secas, em contrapartida, o mais famoso é feito a partir do estômago de borrego, que poderá ser recheado com ervas aromáticas e ainda com outros temperos.

No Marrocos, a forma mais popular que é servida é com molhos de sete vegetais, o que é servido de forma tradicional nas sextas feiras, depois das orações do meio dia, enquanto que a receita mais doce, que possui amêndoas, cebola caramelizada e especiarias é reservada somente para os dias que o país está em festa. O prato é escolhido como o terceiro mais popular para os franceses desde o ano de 2011.

Conheça agora um pouco da trajetória do cuscuz pelo mundo

Certamente uma das referências mais antigas que foram escritas sobre o cuscuz está no livro d receitas de Al Andaluz, escrito no século XIII, e não apenas o título do livro indica que o cuscuz é originário do Magrebe, mas ainda se utiliza da palavra alcuzcuz, o que deverá indicar que esta preparação não é algo árabe, mas possivelmente berbere por exemplo.

As primeiras referências do cuscuz na Europa ocorreram na França no século XVII, em contrapartida existem várias indicações sobre uma possível origem sub saariana do prato por um lado o fato de serem mulheres negras as cozinheiras da África do Norte e da Al Andaluz, e ainda por outro lado, a popularidade do cuscuz da África Ocidental, apesar de não ser baseada em trigo, mas outros cereais podem fazer toda a diferença.

Em Portugal no século XVI o cuscuz fazia parte da chamada ementa diária, partilhando assim a mesa com o arroz e outros tipos de cereais. Para que fique além de diversos escritos da época, o cuscuz é referido em uma peça de Gil Vicente. Nesta altura da história, os portugueses que começaram a colonizar o Brasil descobriram que os indígenas contavam com um tipo de preparação muito semelhante, mas se utilizando de frutos da terra, como a mandioca, o milho, o coco, entre outros alimentos. Em contrapartida, com o tempo, o cuscuz em Portugal acabou perdendo a sua popularidade, e ficou apenas o nome que acabou sendo dado a uma massa alimentícia utilizada na preparação de sopas.

As variações locais do cuscuz

Aqui no Brasil o cuscuz poderá ser feito a base tanto de farinha ou polvilho, bem como milho, arroz ou mesmo mandioca. A massa é salgada e levemente umedecida, colocada para marinar e incorporar o tempero. A partir disto, seu cozimento é feito  em vapor, podendo ser incrementado com outros ingredientes, um costume comum na região sul do Brasil ou apenas acompanhar os ovos, leite e manteiga, ou carne de charque, como é preferido no nordeste.

O cuscuz que é preparado no cuscuzeiro ou cuscuzeira poderá ser de milho e carimã. Na região Norte, o cuscuz poderá ser doce e consumido com leite de coco, de forma comum, no café da manhã, poderá ser acompanhado de tapiocas, uma iguaria que é muito popular em todo o Brasil.

Já no nordeste o cuscuz é consumido nas três refeições diárias principais, podendo ser o prato principal do café da manhã, ou ainda do jantar, e sendo utilizado como farofa no almoço. No nordeste antigamente o cuscuz era feito com milho triturado em pilão e moído nos moinhos de pedra, cozido na panela em seguida e ainda envolto por um pano, uma espécie de pano de prato.

Já o cuscuz paulista, nada mais é do que um cuscuz de farinha de milho, que poderá ser feito com peixe e camarão, ou galinha, ovos cozidos, e muito tempero.

É interessante citar que bem além do Brasil, o cuscuz é largamente consumido em outros países da América Latina. E em Portugal se acredita que ele chegou no reinado de D. Manuel entre os anos de 1495-1521.

O consumo dos cuscuz em cabo verde?

Em Cabo Verde, o cuscuz é um bolo considerado tradicional, feito em farinha de milho e cozido a vapor em um recipiente de barro especial, conhecido como binde, este é análogo a uma cuscuzeira. O cuscuz leva pouco açúcar, e é comido quente, e suas fatias são servidas com manteiga ou mel de cana.

No mundo árabe?

Os palestinos de forma típica servem o prato em situações especiais e feriados. O prato foi levado por imigrantes marroquinos para a Palestina, onde acabou sendo modificado para o que é chamado de moftoul, sendo assim considerado como um tipo especial e diferente de cuscuz, feito a partir de vários ingredientes e de uma forma diferenciada.

O conhecido Maftoul é uma palavra árabe derivada da raiz fa ta la, o que significa rolar ou torcer, o que é exatamente o que deverá descrever o método utilizado para faze o maftoul á mão, rolando assim os trighilhos com a farinha de trigo.

Já na Argélia, no Marrocos, na Tunísia, e outros países da região, o cuscuz normalmente é servido apenas com legumes, como cenouras, batatas, nabos, entre outros alimentos cozidos com um picante ou suave caldo de carne, ou ensopados, acompanhados desta forma com um pouco de carne, esta carne que em geral poderá ser frango ou carneiro.

Apesar de toda a sua história e tradição, afinal de contas o cuscuz engorda ou emagrece?

O ato de comer o cuscuz oferece para você uma série de nutrientes diferenciados que poderão ajudar a manter a saúde de forma geral. Este é um alimento integral, encontrado de forma comum na alimentação do oriente médio. O cuscuz é uma massa feita em sêmola de trigo, e pode ser consumido como um acompanhamento, como salada ou até sobremesa, o alimento pode ser utilizado no lugar de arroz ou de quinoa. Em contrapartida, será que em alguma circunstância o ato de comer cuscuz engorda ou emagrece?

Confira os fatores nutricionais do cuscuz:

Primeiramente, em uma quantia por 100 gramas podemos encontrar a seguinte composição:

Uma quantidade de 112 calorias, um total de 0,2 gr de gorduras, 23 g de carboidratos totais, além de fibra alimentar em 1,4 gramas, e as proteínas que devem ficar em torno de 3,8 gramas.

O cuscuz é uma boa fonte de proteínas

Saiba que o ato de comer cuscuz poderá lhe oferecer uma ótima fonte de proteínas vegetais magras, uma porção equivalente de uma xícara de cuscuz cozido poderá lhe oferecer pelo menos 6 gramas de proteína, o que é equivalente de 12% de sua necessidade diária do nutriente.

O seu corpo ainda depende muito da proteína alimentar para ajudar na saúde da pele, os músculos, os órgãos, entre outros tipos de tecidos. O ato de escolher as fontes de proteínas magras poderá ajudar a garantir que você esteja alcançando todas as suas necessidades diárias de proteínas, sem que precise consumir excessos de gordura. Além disto, uma porção de cuscuz poderá ter menos de 0,5 gramas de gordura, fazendo com que ele se torne muito magro.

O cuscuz é um alimento repleto de fibras

Saiba que cada uma das porções de cuscuz oferece um equivalente de duas gramas de fibras alimentares. E mesmo que as fibras forem carboidratos não digeríveis, elas possuem um papel mais do que importante na manutenção da saúde. Além disto, as fibras poderão ajudar a controlar o peso, pois absorvem a água, e incham no seu trato digestivo, fazendo com que você possa se sentir cheio.

As fibras ainda ajudam a manter os alimentos se movendo em seu corpo, prevenindo desta forma a prisão de ventre. A partir disto seus níveis de colesterol poderão se beneficiar as fibras pois elas acabam se ligando ao colesterol do trato digestivo remo vendo o mesmo de seu corpo de forma simples e diária.

Uma porção de cuscuz em uma xícara por exemplo, oferece um equivalente de 2 gramas de fibra alimentar, o que é uma quantia interessante, enquanto que a mesma porção de arroz integral possui pelo menos 4 gramas de fibras. Isto se deve a um fato de que o cuscuz é feito de grãos refinados, e o arroz é um grão integral.

Os grãos integrais por sua vez possuem mais fibras, pois eles ainda contém partes do grão, já os refinados possuem apenas um endosperma, e não o farelo ou o gérmen de trigo disponíveis.

As vitaminas essenciais são oferecidas pelo cuscuz

Saiba que quando os grãos são processados, a maior parte dos nutrientes acabam sendo perdidos. Com isto, os alimentos integrais normalmente oferecem mais vitaminas, minerais e ainda fibras do que os grãos que são refinados. A partir disto, o cuscuz é um alimento integral e uma boa fonte de vitaminas B necessárias para a sua saúde no dia a dia.

Estes são nutrientes que facilitam a metabolização de energia no dia a dia, além da manutenção das células vermelhas do sangue de forma saudável, para prevenir má formações de fetos, e manter a sua pele e sistema imune funcionando da melhor forma possível.

Os minerais também estão disponíveis no cuscuz

Saiba que os minerais estão disponíveis em níveis muito variáveis no cuscuz, a partir disto, uma porção de pasta de cuscuz oferece 61% de toda a necessidade diária de selênio que o usuário precisa. O selênio possui um papel muito importante para a saúde reprodutiva, bem como a síntese de proteínas e a prevenção dos danos gerados por radicais livres.

Considerações finais sobre o cuscuz, ele engorda ou não afinal de contas?

Caso você prefira o cuscuz, saiba que ele possui menos calorias, com 180 comparando com 220 do arroz integral, e possui um pouco mais de proteínas. Em contrapartida o arroz integral oferece mais vitaminas e minerais essenciais, o que deverá incluir o magnésio, a vitamina B6, o fósforo, entre outros elementos que podem tornar o cuscuz nutricionamente mais pobre do que o arroz integral.

Em contrapartida, se você preferir o cuscuz ao arroz integral, uma boa pedida é experimentar o cuscuz integral, ele possui mais fibras do que o convencional, e cozinha no mesmo tempo que o normal. Em contrapartida, ele poderá ser difícil de encontrar, pois tem um valor elevado e muitas lojas não possuem,

Caso você tenha interesse neste produto, e opta pelo cuscuz ao invés do arroz integral devido ao menor tempo de cozimento, é possível cozinhar o arroz integral antes para economizar tempo durante á noite.

Não existem comprovações de que o cuscuz efetivamente engorde, em contrapartida, existem outras opções e outros variantes de grãos que fornecem os nutrientes essenciais. A partir disto, o cuscuz poderá ser uma parte de uma dieta saudável, mas que não deverá tomar o lugar dos grãos integrais. Levando isto em conta, procure incluir uma variedade de grãos, o que irá ajudar neste sentido, a você garantir que está consumindo todos os seus nutrientes essenciais.

O cuscuz propriamente dito não engorda, o que poderá engordar é o que for consumido junto dele, por isso este é um ponto importante que merece atenção. O consumo de molhos, carnes, entre outras coisas juntamente ao cuscuz é o que o torna tão ou mais calórico do que diversos outros tipos de alimentos existentes, por isso para variar a sua dieta, o cuscuz é nutritivo, e vale a pena o investimento desde que se tenha bom senso na hora de preparar.